Opinião

A Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial na reinserção social do paciente

diario da manha

A Ci­rur­gia e Trau­ma­to­lo­gia Bu­co-Ma­xi­lo-Fa­ci­al (CTBMF) é a es­pe­cia­li­da­de da odon­to­lo­gia res­pon­sá­vel por atu­ar em ca­sos de trau­ma­tis­mos fa­ci­ais, ten­do tam­bém co­mo atri­bu­i­ções tra­tar do­en­ças e tu­mo­res da bo­ca, al­te­ra­ções da ar­ti­cu­la­ção tem­po­ro­man­di­bu­lar (ATM), cor­ri­gir de­for­mi­da­des es­té­ti­cas fun­cio­nais e re­a­li­zar en­xer­tos e im­plan­tes den­tá­rios.

A im­por­tân­cia da fa­ce é in­dis­cu­tí­vel, tan­to por ser re­cep­tá­cu­lo de ór­gã­os da vi­são, fo­na­ção e mas­ti­ga­ção co­mo por pro­por­ci­o­nar uma apa­rên­cia que per­mi­ta a con­vi­vên­cia so­ci­al do in­di­ví­duo. Os trau­mas nes­sa re­gi­ão, em­bo­ra ra­ra­men­te fa­tais, po­dem ser con­si­de­ra­dos uma das agres­sões mais de­vas­ta­do­ras en­con­tra­das em cen­tros de trau­ma de­vi­do às con­se­quên­cias emo­cio­nais, fun­cio­nais e es­té­ti­cas e pe­la pos­si­bi­li­da­de de de­for­mi­da­de per­ma­nen­te.

Al­te­ra­ções oclu­sais, di­fi­cul­da­des res­pi­ra­tó­ri­as, per­da da acui­da­de vi­su­al, do­res na ATM e per­da da sen­si­bi­li­da­de do ros­to são pos­sí­veis si­nais e sin­to­mas de­cor­ren­tes de le­sões trau­má­ti­cas na fa­ce no que tan­ge ao cam­po fun­cio­nal. Sob a óti­ca da es­té­ti­ca, o ros­to se cons­ti­tui co­mo re­pre­sen­tan­te da iden­ti­da­de da pes­soa que, ao so­frer um trau­ma fa­ci­al, sen­te es­sa per­da e tem di­fi­cul­da­des pa­ra se olhar no es­pe­lho e vol­tar ao con­ví­vio so­ci­al. To­das es­sas mo­di­fi­ca­ções ines­pe­ra­das e abrup­tas são fa­to­res in­ter­ve­ni­en­tes pa­ra a per­da da qua­li­da­de de vi­da e do bem-es­tar.

A es­pe­cia­li­da­de CTBMF, atra­vés de sua ca­pa­ci­da­de de re­a­bi­li­ta­ção no con­tex­to da fun­cio­na­li­da­de e da es­té­ti­ca, am­plia os ho­ri­zon­tes e con­tex­tu­a­li­za o in­di­ví­duo em uma pers­pec­ti­va so­ci­al, pri­vi­le­gi­an­do as­pec­tos re­la­ci­o­na­dos à in­clu­são, ao de­sem­pe­nho das ati­vi­da­des e à par­ti­ci­pa­ção na fa­mí­lia, na co­mu­ni­da­de e na so­ci­e­da­de, pro­mo­ven­do sa­ú­de.

 

(Ger­ma­no An­ga­ra­ni, re­si­den­te em Ci­rur­gia e Trau­ma­to­lo­gia Bu­co-Ma­xi­lo-Fa­ci­al no Hugol)

 

tags:

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar

26 de outubro de 2018 as 20:47

O STF legisla demais