Opinião

Não turbeis vossos pensamentos

diario da manha

O ca­pí­tu­lo 14 do li­vro do após­to­lo Jo­ão é uma pé­ro­la de pre­ci­o­si­da­de pa­ra nos­sa men­te,  es­pe­ci­al­men­te nes­tes di­as atu­ais, on­de o ho­mem con­tem­po­râ­neo re­ce­be mui­tas in­for­ma­ções de­tur­pa­das e me­ta­mor­fo­se­a­das por mei­os de co­mu­ni­ca­ção não in­te­res­sa­dos em dis­se­mi­nar no­tí­cias e fa­tos, que vão con­tra su­as pró­pri­as ide­o­lo­gi­as, fre­quen­te­men­te de­vas­sas e au­sen­tes de mo­ral. Creio que o mun­do nun­ca vi­veu um tem­po em que su­as ver­da­des fo­ram tão dis­cri­mi­na­das e re­pro­va­das. Pa­re­ce que tu­do o que jul­ga­mos co­mo er­ra­do e pe­ca­mi­no­so, de­ve ser con­si­de­ra­do le­gal e ade­qua­do. Nós so­mos re­sul­tan­te da­qui­lo que pen­sa­mos, to­da­via, não po­de­mos con­sen­tir  ou com­pac­tu­ar que nos­sos pen­sa­men­tos se­jam tur­ba­dos por es­sa on­da de per­mis­si­vi­da­de que a mí­dia ten­ta nos en­fi­ar go­e­la abai­xo. Ti­po li­be­rou ge­ral, viu ga­le­ra… Va­le re­cor­dar as pa­la­vras do mes­tre dos mes­tres, quan­do dis­se a seus dis­cí­pu­los: “Não se tur­be o vos­so co­ra­ção; cre­des em Deus, cre­des tam­bém em mim. Na ca­sa de meu Pai há mui­tas mo­ra­das. Se as­sim não fo­ra, eu vô-lo te­ria di­to, pois vou pre­pa­rar-vos lu­gar. E, quan­do eu for e vos pre­pa­rar lu­gar, vol­ta­rei e vos re­ce­be­rei pa­ra mim mes­mo, pa­ra que on­de eu es­tou, es­te­jais vós tam­bém. E vós sa­beis o ca­mi­nho pa­ra on­de eu vou.” Quan­do ques­ti­o­na­do por To­mé, Je­sus lhe dis­se: ” Eu sou o ca­mi­nho, a ver­da­de e a vi­da; nin­guém vem ao Pai, se­não por mim.” Que­ri­do lei­tor, nós não po­de­mos ter pen­sa­men­tos con­tur­ba­dos em nos­sa men­te…. Nos­sos pen­sa­men­tos pre­ci­sam ser sa­u­dá­veis e ani­ma­do­res…. For­tes e co­ra­jo­sos… In­ten­sos e chei­os de amor pe­lo nos­so pró­xi­mo. Se vo­cê re­fle­tir com pro­fun­di­da­de, con­clu­i­rá que não há mo­ti­vos pa­ra pre­o­cu­pa­ções e an­sie­da­des, Afi­nal, qual­quer um de nós já pas­sou por mui­tas di­fi­cul­da­des e re­ve­zes, e es­ta­mos aqui, tal­vez fe­ri­dos, mas es­ta­mos aqui. Aque­le que per­mi­te que seus pen­sa­men­tos se­jam tur­ba­dos, se­rão le­va­dos a ru­í­na in­te­lec­tu­al. A ru­í­na in­te­lec­tu­al le­va o ho­mem a ru­í­na to­tal. Le­va-o a per­di­ção. A re­fle­xão pro­fun­da nos le­va sem­pre as nos­sas ori­gens, is­to é, Deus! Se acre­di­tar­mos em Deus e em sua Pa­la­vra e a obe­de­cer­mos, tu­do aqui­lo que nos mar­ti­ri­za pas­sa­rá a ser ir­re­le­van­te e inó­cuo. E, com­pre­en­de­re­mos que o céu efe­ti­va­men­te pos­sui mu­tas mo­ra­das… Uma de­las es­tá re­ser­va­da pa­ra vo­cê, que crê! Gló­ria a Deus!

 

(Jo­ão An­to­nio Pa­gli­o­sa, eng. agrô­no­mo pe­la UFRRJ em 1972. Ser­vo útil de Deus a par­tir de 2007. jo­ao­an­to­nio­pa­gli­o­[email protected])

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 22:23

Brasília – Prazo de validade vencido

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar