Opinião

Após 33 meses de muito trabalho, mudamos a história da Casag

diario da manha

Quan­do as­su­mi­mos a di­re­ção da Cai­xa de As­sis­tên­cia dos Ad­vo­ga­dos de Go­i­ás, tí­nha­mos ple­na per­cep­ção de sua in­cum­bên­cia so­ci­al de ele­va­da im­por­tân­cia, na me­di­da em que tem co­mo fo­co fun­da­men­tal a as­sis­tên­cia não só do ad­vo­ga­do, mas tam­bém de sua fa­mí­lia. Nes­se pro­pó­si­to, te­mos tra­ba­lha­do ao lon­go des­ses 33 mes­es, na bus­ca in­ces­san­te pa­ra aten­der e su­pe­rar aos an­sei­os da clas­se.

As ações fo­ram tan­tas que, pa­ra não me es­ten­der de­ma­si­a­da­men­te, pon­tu­a­rei al­gu­mas das prin­ci­pa­is e ou­tras que, em­bo­ra me­no­res, ti­ve­ram um efei­to con­si­de­ra­vel­men­te po­si­ti­vo. Pau­ta­dos em uma ges­tão ba­se­a­da no pla­ne­ja­men­to, con­tro­le e res­pon­sa­bi­li­da­de, to­ma­mos a ini­ci­a­ti­va de dar pu­bli­ci­da­de às con­tas da Cai­xa de As­sis­tên­cia e, des­de o iní­cio de 2016, ado­ta­mos me­ca­nis­mos co­mo o pro­ces­so se­le­ti­vo sim­pli­fi­ca­do, pas­san­do a dar pu­bli­ci­da­de às fi­nan­ças, con­tra­tos, en­tre ou­tros, por meio da Pá­gi­na de Tran­spa­rên­cia da en­ti­da­de.

No mes­mo mês, cri­a­mos o Pro­gra­ma de Rein­ser­ção do Ad­vo­ga­do Ina­dim­plen­te, que per­mi­tiu a re­gu­la­ri­za­ção da si­tu­a­ção fi­nan­cei­ra de de­ze­nas de pro­fis­si­o­nais em exe­cu­ção por ina­dim­plên­cia jun­to à OAB-GO.

Em maio de 2016 ini­cia­mos o pro­je­to Ca­sag Iti­ne­ran­te com o pro­pó­si­to de des­cen­tra­li­zar os ser­vi­ços da Cai­xa de As­sis­tên­cia e ou­vir as de­man­das da ad­vo­ca­cia lo­cal. No mês de ju­lho foi ado­ta­da a me­to­do­lo­gia de con­vi­te pú­bli­co pa­ra tor­nar cla­ras as cha­ma­das pa­ra pres­ta­ção de ser­vi­ços e aqui­si­ção de pro­du­tos de uso da en­ti­da­de. Em agos­to cri­a­mos um no­vo por­tal ins­ti­tu­ci­o­nal com uma pro­pos­ta grá­fi­ca re­pa­gi­na­da, con­te­ú­dos di­nâ­mi­cos, me­lho­ri­as na es­tru­tu­ra de na­ve­ga­ção e aces­so a ser­vi­ços, ati­vi­da­des, be­ne­fí­ci­os e no­tí­cias da en­ti­da­de e da ad­vo­ca­cia. Nes­te mes­mo mês, lan­ça­mos a obra de res­tau­ra­ção do pré­dio da Ave­ni­da Go­i­ás, que ho­je abri­ga o Meu Es­cri­tó­rio.

No mês de ou­tu­bro foi inau­gu­ra­da a pri­mei­ra de 13 sa­las da Cai­xa de As­sis­tên­cia fo­ra de sua se­de, no Fó­rum Cí­vel de Go­i­â­nia. Após per­cor­rer­mos to­do o es­ta­do com o pro­je­to iti­ne­ran­te sen­ti­mos a ne­ces­si­da­de de al­go per­ma­nen­te pa­ra o in­te­ri­or. Em no­vem­bro, du­as ci­da­des re­ce­be­ram re­gi­o­nais -a pri­mei­ra foi Lu­zi­â­nia. Lo­go em se­gui­da, Aná­po­lis inau­gu­rou sua se­de re­gi­o­nal. No mês de de­zem­bro Itum­bi­a­ra e Rio Ver­de tam­bém ga­nha­ram re­gi­o­nais.

O re­sul­ta­do já no pri­mei­ro ano de ges­tão, após mu­dan­ças es­tru­tu­ra­is, for­ça de von­ta­de, in­te­li­gên­cia e uma aná­li­se sis­te­má­ti­ca de mer­ca­do, foi a su­pe­ra­ção, em um úni­co ano, de to­dos os re­sul­ta­dos acu­mu­la­dos em mais de se­te dé­ca­das de exis­tên­cia da Cai­xa de As­sis­tên­cia. Em nú­me­ros au­di­ta­dos e ava­li­za­dos pe­lo Con­se­lho Fe­de­ral da Or­dem dos Ad­vo­ga­dos do Bra­sil (CFO­AB), a en­ti­da­de apre­sen­tou nú­me­ros ex­pres­si­vos em 2016 co­mo uma al­ta su­pe­ri­or a 100% na sua dis­po­ni­bi­li­da­de fi­nan­cei­ra, 231% de ele­va­ção de pa­tri­mô­nio, 33% de cor­te nas des­pe­sas ad­mi­nis­tra­ti­vas e 41% de re­du­ção nos gas­tos com pes­so­al.

En­tre pe­ças te­a­tra­is e mu­si­cais, cam­pa­nhas de va­ci­na­ção, pro­gra­ma­ções co­mo o Dia das Cri­an­ças e Car­na­val no CEL, cor­ri­das e tan­tos ou­tros even­tos co­mo a Ca­mi­nha­da pe­la Fé e es­pa­ços no Bai­le do Ru­bi, inau­gu­ra­mos mais du­as Re­gi­o­nais Ca­sag, em Ce­res e Ja­taí. As­su­mi­mos a Li­vra­ria do Ad­vo­ga­do e a rei­nau­gu­ra­mos com cer­ca de 6 mil li­vros e mais de mil tí­tu­los vol­ta­dos ao pú­bli­co ju­rí­di­co. No lo­cal, a ad­vo­ca­cia en­con­tra as mais im­por­tan­tes obras na­ci­o­nais ju­rí­di­cas, tan­to as clás­si­cas quan­to lan­ça­men­tos.

Em maio de 2017, em uma noi­te fes­ti­va, en­tre­ga­mos a res­tau­ra­ção do pré­dio da en­ti­da­de na Rua 1, es­qui­na com Ave­ni­da Go­i­ás, no Cen­tro de Go­i­â­nia. O lo­cal, ti­do co­mo pa­tri­mô­nio da ad­vo­ca­cia, cons­tru­í­do no es­ti­lo Art Dé­co, abri­ga, em três pa­vi­men­tos, o es­pa­ço Meu Es­cri­tó­rio, o Es­pa­ço Cul­tu­ral Amá­lia Her­ma­no Tei­xei­ra e um no­vo lo­cal pa­ra pe­ti­ci­o­na­men­to ele­trô­ni­co com mais de 50 es­ta­ções de tra­ba­lho com o que há de me­lhor em tec­no­lo­gia, além de to­do o su­por­te téc­ni­co pa­ra au­xí­lio da ad­vo­ca­cia go­i­a­na.

Cri­a­mos, ain­da nes­te mês, o Pro­gra­ma de Va­lo­ri­za­ção a Ad­vo­ga­dos e Sub­se­ções (Pro­vas) com apor­te de R$ 2 mi­lhões pa­ra re­es­tru­tu­ra­ção das sub­se­ções da Or­dem. No mes­mo mês, as­su­mi­mos a ges­tão do Cen­tro de Cul­tu­ra Es­por­te e La­zer (CEL) com o ob­je­ti­vo de de­so­ne­rar a ad­vo­ca­cia go­i­a­na co­mo um to­do.

Em ju­nho de 2017, cri­a­mos mais um pro­je­to vol­ta­do ao in­cen­ti­vo da prá­ti­ca es­por­ti­va e aos cui­da­dos com a sa­ú­de da ad­vo­ca­cia: o Gru­po de Trei­na­men­to Es­por­ti­vo da Casag. No mês se­guin­te, após as­su­mir­mos a ges­tão do CEL, en­tre­ga­mos uma com­ple­ta re­for­ma a es­te es­pa­ço.

Foi fei­ta am­pla re­vi­ta­li­za­ção, le­va­das di­ver­sas no­vi­da­des aos fre­quen­ta­do­res, co­mo a área de “es­por­tes ra­di­cais”, re­for­ma de qua­dras po­lies­por­ti­vas, aque­ci­men­to de pis­ci­nas, tro­ca de mo­bí­lias nas pis­ci­nas e o ser­vi­ço de Wi­Fi. Cri­a­mos ain­da nes­te mês, a Co­mis­são de Aces­si­bi­li­da­de da Casag, com o ob­je­ti­vo ga­ran­tir a me­lhor in­ser­ção dos ad­vo­ga­dos e ad­vo­ga­das com de­fi­ci­ên­cia na so­ci­e­da­de.

Em meio a par­ce­rias e con­vê­ni­os ini­ci­a­dos, a Cai­xa de As­sis­tên­cia pas­sou a sub­si­di­ar os cus­tos com es­ta­cio­na­men­to no no­vo Fó­rum Cí­vel de Go­i­â­nia, aten­den­do a pe­di­dos da clas­se. Fe­cha­mos im­por­tan­te con­vê­nio com a Che­vro­let pa­ra a aqui­si­ção de ve­í­cu­los com des­con­tos que che­gam a 26%.

Ain­da em agos­to, a ad­vo­ca­cia de For­mo­sa foi agra­ci­a­da com a sé­ti­ma Re­gi­o­nal Ca­sag no in­te­ri­or do es­ta­do. O mês de se­tem­bro foi mar­ca­do por even­tos co­mo o Dia das Cri­an­ças no CEL, en­tre­ga de ali­men­tos ar­re­ca­da­dos pe­la Ca­sag a en­ti­da­des be­ne­fi­cen­tes, en­tre ou­tros even­tos.

Em ou­tu­bro de 2017 en­tre­ga­mos a oi­ta­va Re­gi­o­nal Ca­sag, des­sa vez, em Cal­das No­vas. No mês de no­vem­bro, re­a­li­za­mos mais uma edi­ção do pro­je­to Ca­sag Iti­ne­ran­te, em Ru­bia­ta­ba. En­tre­ga­mos, por meio do Pro­vas, obras na sub­se­ção de Go­i­a­tu­ba e se­di­a­mos a 1ª Co­pa Con­cad. No mês se­guin­te, ain­da com re­cur­sos do Pro­vas, en­tre­ga­mos me­lho­ri­as à sub­se­ção de Cal­das No­vas.

Mes­mo com to­dos os in­ves­ti­men­tos em me­lho­ri­as pa­ra a clas­se, con­se­gui­mos fe­char o ano de 2017 com um re­sul­ta­do po­si­ti­vo e um or­ça­men­to su­pe­ra­vi­tá­rio em 14,95%. A dis­po­ni­bi­li­da­de fi­nan­cei­ra acu­mu­la­da en­tre os anos de 1943 e 2015 era de ape­nas R$ 17,2 mi­lhões. Com de­ci­sões acer­ta­das, in­ves­ti­men­tos e cor­tes de des­pe­sas des­ne­ces­sá­rias, con­se­gui­mos, em dois anos, mais que do­brar es­se re­sul­ta­do, que em 2017 su­pe­rou R$ 35,7 mi­lhões em nú­me­ros au­di­ta­dos pe­lo Con­se­lho Fe­de­ral da OAB.

Os ín­di­ces de li­qui­dez, que já eram sa­tis­fa­tó­rios, con­ti­nu­a­ram cres­cen­do em fran­ca de­mons­tra­ção do fir­me pro­pó­si­to da Casag com uma sa­ú­de fi­nan­cei­ra ca­da vez me­lhor pa­ra a en­ti­da­de. Em 2016 pa­ra ca­da R$ 1,00 de dí­vi­das a en­ti­da­de pos­su­ía R$ 2,87 de dis­po­ni­bi­li­da­des pa­ra qui­ta­ção. Es­te ín­di­ce foi ele­va­do no ano de 2017 al­can­çan­do R$ 3,20 de dis­po­ni­bi­li­da­de.

Co­me­ça­mos 2018 en­tre­gan­do mais du­as no­vas sa­las da Cai­xa de As­sis­tên­cia: uma no Fó­rum Hei­tor Mo­ra­es Fleury; e ou­tra no Tri­bu­nal Re­gi­o­nal do Tra­ba­lho da 18ª Re­gi­ão (TRT 18). Nos mes­es de fe­ve­rei­ro e mar­ço fo­ram inau­gu­ra­das mais qua­tro sa­las da Or­dem dos Ad­vo­ga­dos do Bra­sil – Se­ção Go­i­ás (OAB/GO) com re­cur­sos do Pro­vas: no Fó­rum da sub­se­ção de Go­i­a­né­sia; em Aná­po­lis; em Jus­sa­ra; e em Pa­raú­na.

Cri­a­mos, ain­da nes­te mês, um pro­gra­ma iné­di­to no Pa­ís. De­no­mi­na­do “Anu­i­da­de Vai e Vol­ta” o pro­gra­ma de­vol­ve in­te­gral­men­te o va­lor pa­go em anu­i­da­de em for­ma de cré­di­tos pa­ra uso em ser­vi­ços da Ca­sag, ESA e CEL.

No mês de abril, após ex­ten­sas ne­go­ci­a­ções, cri­a­mos li­nha de mi­cro­cré­di­to pa­ra que jo­vens ad­vo­ga­dos re­cém-for­ma­dos e re­cém-ins­cri­tos pos­sam dar iní­cio em su­as car­rei­ras, equi­pan­do e mo­bi­lian­do seus es­cri­tó­rios. Es­te cré­di­to pos­sui ta­xas de 0,25% ao mês, ou se­ja, 3% ao ano e em 36 par­ce­las em par­ce­ria com o Pro­gra­ma Ban­co do Po­vo.

Em maio, inau­gu­ra­mos o La­bo­ra­tó­rio Uni­med/Ca­sag. Aten­den­do a pe­di­dos das ad­vo­ga­das, cri­a­mos a Es­mal­te­ria Ca­sag, com ser­vi­ços de ma­ni­cu­re, pe­di­cu­re e de­sign de so­bran­ce­lhas.

Com o ob­je­ti­vo de apo­i­ar na con­sci­en­ti­za­ção so­bre a al­ta car­ga de tri­bu­tos pa­ga pe­lo bra­si­lei­ro e sua de­si­gual con­tra­par­ti­da em in­ves­ti­men­tos pú­bli­cos, cri­a­mos a Co­pa do Mun­do sem Im­pos­to, o que foi um su­ces­so em to­dos os jo­gos da Se­le­ção Bra­si­lei­ra. En­tre ju­lho e agos­to, en­tre­ga­mos, com re­cur­sos do Pro­vas, as re­for­mas de vá­ri­as sub­se­ções, a exem­plo das de San­ta He­le­na, Jus­sa­ra, Go­i­ás, Ru­bia­ta­ba, Cris­ta­li­na, Acreú­na e Go­i­a­tu­ba. Só nes­te mês de se­tem­bro 20 sa­las es­tão sen­do inau­gu­ra­das.

Com um acer­vo de mais de 50 mil tí­tu­los, sen­do mais de três mil vol­ta­dos ao ofí­cio ju­rí­di­co, inau­gu­ra­mos tam­bém em agos­to, a Li­vra­ria Vir­tu­al Casag. Além de exem­pla­res ju­rí­di­cos, o e-com­mer­ce da Li­vra­ria ofe­re­ce li­vros de to­das as ca­te­go­ri­as, in­clu­si­ve in­fan­tis com des­con­tos pa­ra to­da a clas­se em to­do o es­ta­do.

Ain­da em agos­to, en­tre­ga­mos a re­for­ma do Sa­lão de Even­tos do CEL com mais de 2,8 mil me­tros qua­dra­dos de for­ro tro­ca­dos, sa­ni­tá­rios to­tal­men­te re­for­ma­dos, pal­co no­vos, ca­lhas, sis­te­mas de ilu­mi­na­ção e som no­vos. Tam­bém fo­ram inau­gu­ra­dos, no úl­ti­mo mês, o Ba­nhei­ro Fa­mí­lia e a Brin­que­do­te­ca, equi­pa­da com ví­deo ga­mes de pon­ta pa­ra o con­for­to da cri­an­ça­da. O CEL tam­bém pas­sou a con­tar com re­cre­a­do­res, que le­vam mui­to mais co­mo­di­da­de e en­tre­te­ni­men­to às fa­mí­lias.

Ape­nas es­te ano -de ja­nei­ro a se­tem­bro- en­tre­ga­mos mais de meio mi­lhão de re­ais em au­xí­li­os ma­ter­ni­da­de, fu­ne­ral e ex­tra­or­di­ná­rio. Es­tas são ape­nas al­gu­mas das ações e ser­vi­ços cri­a­dos nes­ses 33 mes­es de ges­tão com o ob­je­ti­vo de le­var mais dig­ni­da­de à clas­se e de for­ma iso­nô­mi­ca, em to­do o es­ta­do. Com elas, inau­gu­ra-se uma no­va era aos so­nhos e aus­pí­cios dos que in­te­gram a Or­dem, atin­gin­do de for­ma oblí­qua a so­ci­e­da­de ci­vil atra­vés dos ju­ris­di­cio­na­dos go­i­a­nos que ago­ra con­tam com uma ad­vo­ca­cia ain­da mais téc­ni­ca e pre­pa­ra­da. Com bons nú­me­ros, uma vi­são am­pla das pos­si­bi­li­da­des pa­ra o fu­tu­ro, te­mos a cer­te­za de que mui­to mais ain­da es­tá por vir. Pa­ra­béns ao Es­ta­do de Go­i­ás e à ad­vo­ca­cia go­i­a­na!

 

(Ro­dol­fo Otá­vio Mo­ta, pre­si­den­te da Casag)

tags:

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar

26 de outubro de 2018 as 20:47

O STF legisla demais