Política & Justiça

Marta Jane vai propor mudança de nome da avenida Castelo Branco

Ela assume nesta semana mandato como vereadora.

diario da manha

A militante e professora Marta Jane vai assumir mandato de vereadora nesta semana. De acordo com uma publicação do PCB, desde o final dos anos 80, um comunista do partido não assumia como veador em Goiânia.

Marta irá substituir Elias Vaz, que estará de licença. Ela declarou que vai apresentar projetos voltadas para a militância. Um dos destaques para as ações que ela deve anunciar enquanto vereadora é o projeto para mudança de nome da avenida Castelo Branco.

A militante diz considerar que não é justo uma das principais avenidas ter o nome de um presidente da ditadura. ” É inadmissível que um ditador, responsável por torturas, que cassou o governador de Goiás, Mauro Borges, legitimamente eleito, leve o nome de uma de nossas principais avenidas”, argumenta.

No projeto, é citado que o nome da avenida deve ser alterado para Bernardo Élis, que – de acordo com a comunista -, é um nome de referência da cultura goiana. “Já Bernardo Élis é um dos maiores literatos do estado, o único goiano que ocupou até hoje a Academia Brasileira de Letras”, pontua.

Segundo o PCB, Marta promoverá, amanhã, uma homenagem para militantes comunistas que se envolveram nas causas sociais do estado, entre eles o professor Horieste Gomes, Dierce Machado.

Marta Jane atualmente é professora no IFG. Ela é mestre em Educação e já atuou por 20 anos na rede municipal de ensino de Goiânia. A comunista concorreu durante a eleição que ocorreu no ano passado ao governo.

Comentários