Política & Justiça

Reforma política é prioridade para que regras vigorem em 2016

a Redação

diario da manha
????????????????????????????????????

 

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, afirmou  que espera concluir a votação da reforma política na Casa até o final de maio, para que algumas mudanças possam ser válidas para as eleições de 2016. Ele confirmou que a proposta será a única pauta do Plenário na última semana deste mês.

A deputada federal Flávia Morais (PDT/GO) lamentou que um dos pontos mais importantes da reforma política não tem encontrado consenso na Casa, que seria o fim do financiamento privado de campanha por pessoa jurídica. Para Flávia Morais, o financiamento privado, por pessoa jurídica, é um dos grandes fatores que favorecem a corrupção no Brasil.

Outro ponto bastante defendido pela deputada é a reserva de 30% das cadeiras do Congresso Nacional para mulheres. O relator da matéria, Marcelo Castro (PMDB/PI), não acolheu em seu relatório  emenda que estabelece essa regra, mesmo diante de forte protesto da bancada feminina.

Flávia informou que a bancada feminina está batalhando para mudar esse ponto do relatório e que pretende ampliar a mobilização em torno das discussões durante a semana.

Comentários