Política & Justiça

Bolsonaro diz que vetará 9 pontos da proposta que pune abuso de autoridade

Segundo o representante do executivo, os dispositivos que serão vetados já foram negociados com o Ministro da Justiça

diario da manha
Foto: Reprodução

Ao deixar o Palácio do Planalto na manhã desta segunda-feira (02/9), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que vetará, “com certeza”, nove pontos da proposta que pune Abuso de Autoridade, aprovada pela Câmara dos Deputados. Segundo o representante do executivo, os dispositivos que serão vetados já foram negociados com o Ministro da Justiça, Sergio Moro.

Apesar de informa que irá vetar alguns pontos, Bolsonaro não adiantou o que será vetado no projeto, a não ser as regras do uso de algemas. O presidente é contra à proposta que agentes punidos sejam algemados. Porém, ele tem até a próxima quinta-feira (05/09) para tomar uma decisão. Após isso, os vetos ainda podem ser derrubados pelo Congresso Nacional.

Jair Bolsonaro ainda criticou o Ministério Público. “Vou deixar bem claro. O MP, em muitas oportunidades, abusa. Eu sou uma vítima disso”, apontou. “Respondi tantos processos no Supremo Tribunal Federal por abuso de autoridade e isso não pode acontecer”, completou o presidente.

Comentários