Home / Brasil

BRASIL

Ex-deputado que comandou morte de adolescente é preso

Em 2014, foi condenado a 15 anos por homicídio, decisão confirmada em segunda instância pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios

Reprodução/TV Globo Reprodução/TV Globo

O ex-deputado do Distrito Federal, Carlos Xavier, também conhecido como Adão Xavier, de 62 anos, foi preso na segunda-feira, 19. Ele havia sido condenado a 15 anos de detenção em 2014 por ter comandado a morte do adolescente Ewerton Ferreira, de 16 anos, em 2004, pois pensava que o jovem era amante de sua esposa.

Carlos Xavier foi preso pela Polícia Militar do Distrito Federal e está na 18ª Delegacia de Polícia em Brazlândia. Ele foi encontrado em um Toyota Hilux com R$ 1,3 mil. Um mandado de prisão havia sido emitido contra ele pela Vara de Execuções Penais do Distrito Federal desde fevereiro de 2022.

Ewerton foi encontrado morto perto de um ponto de ônibus. A acusação indica que Xavier planejou o crime, contratando Eduardo Gomes da Silva (Risadinha), Leandro Dias Duarte e um adolescente para matar a vítima

Em 2018, o político foragido recebeu habeas corpus de Ricardo Lewandowski, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), seguindo uma liminar de 2017 que foi posteriormente revogada. Em 2014, foi condenado a 15 anos por homicídio, decisão confirmada em segunda instância pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT).

Leia também:

  

edição
do dia

Capa do dia

últimas
notícias

+ notícias