Aparecida de Goiânia

Olavo Noleto, que pediu para sair da Chefia da Casa Civil e vai para uma prefeitura do Rio de Janeiro

diario da manha
Gustavo Mendanha agradeceu a colaboração de Olavo Noleto, que pediu para sair da Chefia da Casa Civil

O chefe da Casa Civil da Prefeitura de Aparecida de Goiânia, Olavo Noleto, oficializou nesta quinta-feira, 31, o pedido de exoneração do cargo por motivos pessoais. Noleto anunciou que aceitou o desafio de assumir uma secretaria em uma prefeitura no estado do Rio de Janeiro.

O prefeito Gustavo Mendanha lamentou o pedido e destacou que as portas da administração municipal continuam abertas para Noleto. “Olavo é uma grande técnico e político. Eu vou torcer pelo sucesso dele em sua nova missão, mas quero aqui garantir que nossas portas sempre estarão abertas para contar com sua experiência e proatividade, como contamos nos últimos meses”, afirmou o prefeito.

Noleto comunicou ao prefeito o pedido de exoneração na quarta-feira, 30, e na reunião mensal com o secretariado nesta quinta-feira, ambos aproveitaram para comunicar todo o primeiro escalão sobre a mudança na Chefia da Casa Civil. Na ocasião, Gustavo Mendanha anunciou que o secretário de Governo, Fábio Passaglia, passa a responder interinamente a partir de 1° de novembro pela Casa Civil.

Olavo explicou aos demais secretários que depois de muito relutar, aceitou o convite para assumir uma secretaria em uma cidade do Estado do Rio de Janeiro e aproveitou a reunião para agradecer a oportunidade dada a ele pelo prefeito para assumir duas importantes secretarias na gestão, que foram a de Projetos e Captação de Recursos e a Chefia da Casa Civil. “Mesmo assumindo este outro compromisso público, continuo fazendo parte do projeto político do Gustavo e o vejo sendo reeleito e no futuro como governador do Estado de Goiás”, pontuou.

Histórico – Olavo Noleto assumiu a secretaria de Projetos e Captação de Recursos em maio de 2018 e em outubro do mesmo ano foi designado para chefiar a Casa Civil atuando de forma ética em busca da melhoria da qualidade de vida da população aparecidense. O ex-secretário sempre foi um defensor de Aparecida quando atuava no Governo Federal, principalmente na época em que era o subchefe de Assuntos Federativos da Presidência da República, conseguindo liberação de recursos para projetos em todas as áreas.
Foto: Rodrigo Estrela

Comentários