Brasil

Brasil registra aumento do trabalho infantil durante a pandemia

O aumento registrado na comparação com o ano passado foi de 271% entre março e maio

diario da manha

O número de casos registrados de trabalho infantil durante a pandemia provocada pelo novo coronavírus também aumentou no Brasil, segundo a publicação do portal de notícias Metrópoles, o aumento foi de 271% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Os dados são da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, que é vinculado ao Ministério da Economia, e tem como base o banco de dados da Inspeção ao Trabalho.

Conforme a matéria publicada pelo portal, entre março e maio deste ano, ocorreram 653 fiscalizações que confirmaram o trabalho infantil. No ano passado durante o mesmo período, o registro foi de 176 confirmações do crime.

Além do aumento no registro, também houve um aumento na quantidade de estabelecimentos que foram alvos de fiscalização, que totalizam 636 empresas, enquanto no ano passado foram 128 entre os meses de março e maio.

Número de autos de infração por trabalho infantil caíram no mesmo período

O que caiu na comparação entre 2019 e 2020 foi a quantidade de autos de infração, no ano corrente foram 103 contra 177 do ano anterior. A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, afirmou que tais fiscalizações mostram que o autos de infração são gerados apenas quando o empresário não aplica as medidas de proteção necessárias à segurança psicológica e física do adolescente.

Ainda conforme a secretaria os índices registrados são altos e devido a isso são poucos os casos em que o auto de infração é lavrado. A pasta afirmou que a alta ocorreu mais no mês de maio, logo depois do lançamento do programa de fiscalização Proteção do Adolescente Trabalhador, e que nesse período houve um aumento atípico envolvendo uma relação com o aumento de fiscalização de empresários no mês e a pandemia provocada pelo novo coronavírus.

Comentários