Brasil

Novos tremores de terra são registrados na Bahia

O abalo mais recente foi pontuado na madrugada desta segunda-feira (31) no município de Amargosa, situado no Recôncavo Baiano. Os tremores anteriores ocorreram ontem (30) também na cidade baiana e não deixaram feridos. Atingiram magnitudes 4,2 e 3,7 na escala Richter

diario da manha
Foto: Reprodução/UOL

Outro tremor de terra foi relatado na madrugada desta segunda-feira (31) na Bahia. O mais recente foi pontuado aproximadamente às 3h30, no município de Amargosa, situado no Recôncavo Baiano. De acordo com o prefeito Júlio Pinheiro (PT) há relatos em Elisio Medrado, Mutuípe e São Miguel das Matas.

Os tremores anteriores ocorreram ontem (30) em Amargosa e não deixaram feridos. Atingiram magnitudes 4,2 e 3,7 na escala Richter. Segundo o prefeito, os dados são do Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). As informações são do UOL.

“Desde ontem, do início da manhã, a partir das 7h40, começaram os tremores. Ontem foram mais fortes, de magnitude 3,7 e 4,2. Todos pela manhã, às 7h40 e 8h10. Hoje má madrugada, às 3h30, teve um de 3,5”, explicou o prefeito, conforme o UOL.

De acordo com a reportagem, a movimentação foi observada em todo o município de Amargosa, tanto na área urbana, quanto rural. No entanto, o foco teria sido em um distrito rural. Segundo a matéria, cinco casas e uma igreja foram atingidas. Não houve feridos.

Conforme o site, o Laboratório Sismológico da UFRN (LabSis/UFRN) divulgou, por meio de seu blog, uma imagem do registro dos movimentos do solo. A magnitude do novo sismo, dada pela Escala Richter, chega a 3,5.

Tremores devem permanecer na área, ressalta especialista

Rachadura em uma casa em Amargosa, Bahia, feita em decorrência dos tremores. Foto: Divulgação/Prefeitura de Amargosa (Bahia)

De acordo com a reportagem, o coordenador do LabSis, Aderson Nogueira, destacou durante entrevista à GloboNews que os tremores devem permanecer na região.

“Tivemos um terremoto inicialmente de 4.6, e se você tem um terremoto de magnitude 4 é esperado que você tenha pelo menos 10 eventos de magnitude 3, e 100 eventos de magnitude 2. Então a sismicidade deve continuar nessa área e o que a gente sentiu essa madrugada, que a gente registrou, é réplica do que está acontecendo”, enfatizou.

Comentários