Brasil

Em Pernambuco corpos e ossadas são jogados a céu aberto

Uma moradora da região relata que a cena e o mau cheiro é recorrente

diario da manha
Foto- reprodução - Cemitérios do país entram em colapso

Os moradores de Vitória de Santo Antão (PE) denunciam que corpos e ossadas são jogados a céu aberto, amontoados no Cemitério São Sebastião, na região da Zona da Mata.

Segundo uma moradora a cena caótica é recorrente. O mau cheiro e corpos em decomposição, é possível notar sacos sobrepostos a ossadas. “Sempre tem esses sacos jogados por ali. Não é de hoje”. Perante o cenário de saúde que o país enfrenta, moradores tem receios dos corpos estarem contaminados com covid-19.

“A gente em plena pandemia e esses corpos aí levando sol e vento. Ninguém sabe se esses corpos têm covid-19. Compartilhem aí para chegar às autoridades”, disse um dos internautas, em uma rede social.

Após a repercussão do vídeo que denuncia o caso, a prefeitura da cidade tomou providência com o local e Procuradoria-Geral para enterrar as ossadas em outro município. O cemitério sofre com a falta de mão de obra para atender a atual demanda de enterros.

“Já vi gente esperando horas para enterrar uma pessoa. Esperando um funcionário voltar do intervalo” explica uma moradora que mora próximo ao local.

Em nota, a gestão municipal admitiu o problema, mas responsabilizou a administração anterior pelo caso. “Ao assumir a gestão, em janeiro deste ano, foi identificado o problema do descarte ilegal e sem respeito que era dado aos ossos de pessoas enterradas no cemitério”, disse em um comunicado. Atualmente a cidade possui 139 mil habitantes.

Veja também

Comentários