Brasil

Mulher morre após ser baleada durante assalto a joalheria

Câmeras de segurança do Shopping gravaram o momento do assalto e tiroteio dentro da Joalheria

diario da manha

Um tiroteio dentro do Shopping Iguatemi, no Bairro Edson Queiroz, na capital cearense, Fortaleza, terminou com a morte de uma mulher, na noite da última sexta-feira, 20. A morte foi confirmada pela assessoria do estabelecimento, e segundo a polícia o caso está ligado a um latrocínio (roubo seguido de morte).

O caso é referente a um assalto a uma joalheria e tanto clientes como funcionários foram surpreendidos com o som dos tiros. Pelo circuito de segurança do próprio estabelecimento, e outras imagens gravas pelos frequentadores do Shopping é possível ver os socorristas tentando reanimar a vítima, mas sem sucesso.

A Secretaria de Segurança Pública (SSPDS) informou que dois homens armados entraram na joalheria e renderam os funcionários da loja. Segundo a pasta os suspeitos trocaram tiros com o segurança local, e na troca de tiros uma vendedora da joalheria foi baleada. As equipes da Polícia Militar (PM) tentam identificar os suspeitos e efetuar a prisão dos dois envolvidos no crime.

Em nota enviada à imprensa, o Shopping Iguatemi confirmou o assalto a joalheria e a morte da funcionária que foi baleada durante a troca de tiros.

Confira a nota:

“O Iguatemi Fortaleza informa que foi registrada uma ocorrência no início da noite desta sexta-feira (20), no interior de uma loja. Houve disparos de arma de fogo que atingiram uma funcionária da loja, que foi atendida pela equipe de primeiros socorros do shopping, mas, infelizmente, não resistiu e faleceu. O shopping lamenta o fato e realizará todos os esforços para apurar as circunstâncias do ocorrido o mais rápido possível. Em respeito à vítima, o Iguatemi Fortaleza informa que encerrou suas operações mais cedo. A Polícia já está no local para acompanhar o caso e as investigações.”

*Com informações do G1

Leia também:

Comentários