Brasil

Famílias de mentira, esquema para entrar ilegalmente nos EUA é descoberto

Esquema funciona como estratégia para driblar as novas regras de migração dos EUA

diario da manha
Imagens: TV Globo

R$ 8 bilhões este foi o valor que o tráfico de pessoas movimentou apenas em 2021, conforme dados da Polícia Federal (PF). Nas duas últimas semanas a PF em conjunto com a Interpol deflagrou operações para desmantelar uma quadrilha especializada na imigração ilegal, a partir de famílias de mentiras.

De acordo com as informações divulgadas, os suspeitos de envolvimento no crime, passaram a criar famílias de mentira, com o intuito de facilitar a entrada clandestina nos Estados Unidos e não serem pegos pela fiscalização.

Na noite de domingo, 12, uma reportagem exibida pelo Fantástico mostrou as conversas do grupo por meio de escutas autorizadas pela Justiça.

O modus operandi do grupo criminoso consiste em alugar crianças, arranjar casamentos, enfim formar famílias de mentira e assim conseguir passar pelas regras migratórias dos Estados Unidos.

A operação deflagrada pela PF junto com a Interpol prendeu 216 pessoas em 34 países. No Brasil ao menos quatro estados foram alvos da Operação Turquesa, e as equipes da polícia ouviram vítimas que deram detalhes de como o esquema funcionava.

*Com informações do G1

Leia também:

Comentários