Brasil

Dois homens morrem e duas influenciadoras digitais são presas após tiroteio em hotel de luxo

O caso aconteceu na tarde de segunda-feira, 11, após moradores da região chamarem a PM dizendo que havia homens armados na Pousada Paraíso Perdido

diario da manha
Influenciadoras digitais Laylla e Adrian Grace Foto: Reprodução

Dois homens morreram em confronto com Policiais Militares na Praia do Garcês, na cidade de Jaguaripe, baixo sul da Bahia e duas influenciadoras que estavam com eles foram presas na tarde de segunda-feira, 11, após moradores da região chamarem a PM dizendo que havia homens armados na Pousada Paraíso Perdido. Ao chegar no local, a polícia foi recebida a tiros e revidou. 

Agnaldo Leite da Silva Neto, de 29 anos, conhecido como Neto Talisca, e Felipe Augusto Machado, de 28, conhecido como Batoré foram baleados e chegaram a ser socorridos. Eles foram levados para o Hospital Gonçalves Martins, em Nazaré, mas não resistiram aos ferimentos.

Conforme a PM, Agnaldo era fugitivo do sistema carcerário por tráfico de drogas.

Com informações do G1

Leia também:

Comentários