Brasil

Homem é suspeito de simular queda em supermercados para pedir indenização

Segundo o advogado, Miguel Carvalho Batista a ação do homem se enquadra no crime de estelionato, pois ele tenta obter vantagem ilícita, causar prejuízo a outras pessoas e usar de artimanha para enganar alguém ou levar ao erro

diario da manha

Um homem foi flagrado por câmeras de segurança de supermercados em Santos e São Vicente, no litoral de São Paulo, simulando acidentes para processar os estabelecimentos e ser indenizado. As tentativas de golpe ocorreram durante a primeira quinzena do mês de abril e na última segunda-feira, 02. Veja abaixo:

O suspeito passava por um corredor, despejava uma substância líquida deslizante sobre o piso [como um detergente ou shampoo, dava uma volta e ao passar pelo local ‘escorregava’. Segundo o advogado, Miguel Carvalho Batista a ação do homem se enquadra no crime de estelionato, pois ele tenta obter vantagem ilícita, causar prejuízo a outras pessoas e usar de artimanha para enganar alguém ou levar ao erro.

Batista afirma, ainda, que o indivíduo poderá ser processado civilmente para reparar ou restituir eventuais prejuízos causados.

Segundo informações do G1

Leia também:

Comentários