Cidades

Santa Helena de Goiás está em situação de emergência após incêndio próximo a GO-210

A GO-210 precisou ser interditada após um nuvem de fumaça cobrir a pista

diario da manha
Foto/Reprodução

O prefeito de Santa Helena de Goiás, João Alberto Rodrigues (PRP), decretou situação de emergência e calamidade após um incêndio de grandes proporções atingir uma fazenda na GO-210, nas imediações do município, também próximo a Turvânia, na última quinta-feira (19/9) .

Ainda na quinta-feira o prefeito se reuniu com o governador Ronaldo Caiado (DEM) e o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda, que se comprometeram a ajudar, segundo ele. Por meio de um vídeo publicado nas redes sociais, o prefeito informou este talvez seja o momento mais árduo dos cidadãos da cidade, quando o município “é vítima de ações terroristas coordenadas, que trazem prejuízos sociais, econômicos, à saúde e colocando em risco a vida dos cidadãos”, enfatizou o gestor.

Ainda na gravação, João afirmou que se trata de uma ameaça “à Lei de Soberania Nacional, portanto invoca-se a Lei de Segurança Nacional”, antes de decretar situação de emergência. “Esperamos termos o desfecho dessas investigações. Quem souber acerca desse grupo incendiário, que informe a delegacia e também na Polícia Militar. Certamente conseguiremos sobressair todas essas adversidades”, finalizou o informe em vídeo.

Incêndio próximo a Santa Helena de Goiás

O incêndio teve inicio na tarde da última quinta em uma fazenda entre Santa Helena e Turvânia. Devido ao fogo, uma nuvem de fumaça teria chegado até o município do prefeito João, deixando o céu com uma cor diferente.

A GO-210 precisou ser interditada após um nuvem de fumaça cobrir a pista, mas foi liberada por volta de 18h30. De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO), um caminhão foi atingido pelas chamas e explodiu, mas ninguém ficou ferido. Famílias na região rural precisaram deixar suas casas.

Ainda segundo os bombeiros, no começo da noite de ontem havia alguns focos próximo à Usina Santa Helena, mas, após um tempo, a situação foi controlada.

tags:

Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO