Cidades

Libras passa a ser utilizada no site do TJGO

A ferramenta visa atender os 80% da população surda que utilizam essa linguagem

diario da manha
Foto: Reprodução/TJGO

O portal do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) passa a oferecer – além das ferramentas já disponibilizadas a pessoas com mobilidade reduzida e deficientes visuais –  a tradução automática do português para a Língua Brasileira de Sinais (Libras).

De acordo com a WFD (Federação Mundial dos Surdos), 80% dos surdos de todo o mundo não têm uma boa compreensão do idioma escrito e apresentam dificuldades para ler e escrever. Por conta disso, eles dependem, exclusivamente, da língua de sinais para se comunicar e obter informação.

O sistema utilizado no site do TJGO é o Vlibras, que consiste em um conjunto de ferramentas computacionais de código aberto, desenvolvido por meio de uma parceria entre o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP), por meio da Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) e a Universidade Federal da Paraíba (UFPB), responsável pela tradução de conteúdos digitais (texto, áudio e vídeo) para Libras.

Para acessar, basta clicar no ícone situado na parte lateral direita do portal. Assim, o usuário com deficiência auditiva poderá ter acesso a todo conteúdo traduzido por meio de uma animação. Dessa forma, computadores, dispositivos móveis e plataformas Web se tornam acessíveis para pessoas com deficiência auditiva.

A medida atende a Lei Brasileira de Inclusão (LBI), que promove mudanças significativas em diversas áreas como educação, saúde, mobilidade, trabalho, moradia e cultura, exigindo que os serviços oferecidos por empresas ou órgãos públicos ofereçam acessibilidade para as pessoas com deficiência. Desta forma, o TJGO atende, por completo, o item 9 da Resolução 211/2005, Art. 20, § 1º, VI, a qual dispõe sobre o Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico, avaliado pelo CNJ para a criação do Ranking da Transparência

Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO