Cidades

Operação no Detran-GO prende 7 pessoas por corrupção e desvios de recursos

A ação também acontece em São Paulo, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal

diario da manha
Foto: Reprodução

Na madrugada desta quinta-feira (7/11), a Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO), deflagrou a operação Cegueira Deliberada, que apura desvios de recursos públicos e corrupção no Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO).

A ação também acontece em São Paulo, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal. São cumpridos mais de 60 mandados de prisão e busca e apreensão. Cerca de 200 policiais civis e peritos participam da operação Cegueira Deliberada.

Durante a operação sete pessoas foram presas, são elas: os proprietário da Sanperes, Daniel Ganda dos Santos, Sérgio Augusto Nunes Pinto; Wederson da Silva Viana; o ex-vereador Marcelo Augusto Sampaio Martins; e Rosana Ribeiro da Silva, Vagner Pedroso Caovila e Carlo Henrique Senkiio.

Conforme as informações divulgadas pela PC, os crimes ocorreram na gestão anterior entre 2014 e 2015. De acordo com a polícia, a investigação mostra que houve fraude no processo de licitação do Detran em 2014 para vistoria veicular.

As investigações mostram outra irregularidades no órgão como critério indevido de julgamento de propostas, direcionamento na confecção de edital e ausência de audiência pública. Além destas, os dados coletados mostram também que houve crimes relacionados à habilitação da empresa Sanperes.

Operação Cegueira Deliberada indica superfaturamento e reajustes que ultrapassam os R$ 100 milhões

Segundo as informações da polícia houve superfaturamento e reajustes ilegais, que ultrapassam R$ 100 milhões entre 2015 e 2019. Além do ex-presidente do Detran-GO, o dono da Sanperes Daniel Ganda dos Santos foi preso temporariamente.

A operação apreendeu também 16 veículos, uma motocicleta, obras de artistas renomados como Antônio Poteiro, relógios de luxo e uma quantia em dinheiro que está sendo contabilizada.

Os presos serão levados para o Grupo Especial de Combate à Corrupção (Geccor), que será lançado oficialmente nesta tarde. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSP), afirmou que outras informações serão repassadas ao longo do dia.

Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO