Cidades

Cestas básicas serão distribuídas às comunidades quilombolas de Goiás

Ao todo 500 cestas básicas serão entregues. A ação ocorre por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, que assegurou a arrecadação junto a Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH)

diario da manha
Foto: Reprodução

O Governo de Goiás deve entregar amanhã (22) 500 cestas básicas para distribuição em comunidades quilombolas do Estado. A ação ocorre por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, que assegurou a arrecadação junto a Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH).

Conforme divulgação, as doações serão entregues em Brasília à superintendente Rosi Guimarães, que também distribuirá os alimentos à três comunidades quilomboladas que estão em vulnerabilidade alimentar, por causa da pandemia do novo coronavirus. “Recantos Dourados”, em Abadia de Goiás; “Tupiraçaba”, em Niquelândia; e “Forte”, em São João da Aliança serão beneficiadas.

Segundo a publicação, desde o começo da pandemia a Secretaria de Desenvolvimento Social (Seds) realiza visitas à comunidades e tribos para prestação de assistência. As equipes já estiveram nas 58 comunidades remanescentes de quilombos e em cinco reservadas indígenas. A inclusão em programas sociais está dentre as atividades desenvolvidas.

“Durante as visitas as equipes entregaram materiais de limpeza e de higiene e equipamentos de proteção individual a essas famílias, que receberam também cestas básicas da Campanha de Combate à Propagação do Coronavírus, promovida pelo governo de Goiás por meio da Seds, da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e do Gabinete de Políticas Sociais”, explicou ao portal a secretária da Seds, Lucia Vânia.

Comentários