Cidades

Para evitar aglomerações Bombeiros atuam na região do Araguaia

A corporação busca prevenir quatro municípios com relação à Covid-19 para evitar aglomerações. Isso porque a temporada de 2020 foi cancelada para conter a propagação do novo coronavírus, após decreto do governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM)

diario da manha
Foto: Reprodução

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBM-GO) reforçou no mês de julho ações de monitoramento e prevenção na região do Rio Araguaia. A corporação busca prevenir quatro municípios com relação à Covid-19 para evitar aglomerações. Isso porque a temporada de 2020 foi cancelada para conter a propagação do novo coronavírus, após decreto do governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM).

Conforme o portal do governo, o documento foi assinado no dia 10 de junho. Foi resultado de consultas a municípios, instituições públicas e entidades representativas da sociedade. O texto proíbe realização de acampamentos e eventos. Como por exemplo: shows, festas, caminhadas ecológicas, passeios ciclísticos, corridas e espetáculos.

A mobilização de acampamentos e estruturas na beira podem ser multadas desde o dia 1º de julho, conforme o artigo 03 do decreto. Também estão proibidos o uso em conjunto de beiras dos rios, cachoeiras e praias formadas no Rio Araguaia e afluentes. Bem como a instalação de estruturas temporárias de restaurantes, bares, banheiros, pontos de apoio, segundo o portal. Além disso, também estão vedadas quaisquer outras de atendimento à turistas e usuária em praias, beiras de rios e cachoeiras.

De acordo com a publicação, apesar do foco de trabalho dos bombeiros militares ser a orientação sobre as medidas de segurança contra a doença, eles também realizam outras ações. Dentre elas: atos de prevenção contra afogamentos e outras naturezas de acidentes.

Comentários