Cidades

Criança morre após receber descarga elétrica de celular enquanto carregava

O garoto utilizava o aparelho conectado à tomada e recebeu uma descarga elétrica

diario da manha
Foto: Reprodução

No último domingo (23), Matheus Macedo Campos de apenas 11 anos morreu após receber uma descarga elétrica de um aparelho celular que estava carregado. O caso aconteceu na cidade de Santarém, região oeste do Pará. O garoto chegou a ser levado para um hospital do município, mas não resistiu.

De acordo com Maria Raimunda Campos Brito, avó de Matheus, ele e os primos estavam brincando em casa, mas apenas Matheus foi atingido pela descarga elétrica. “Eles estavam brincando com os celulares. Foi tudo muito rápido”, relata.

Segundo a avó houve um curto-circuito e tanto Matheus quanto os outros quatro primos que estavam com ele utilizavam um adaptador para carregar os celulares na mesma tomada. Conforme informações do portal G1, chovia no momento do acidente.

A prima de Matheus Campos, Edimara Caroline Rodrigues explicou que o menino estava deitado em cima de uma toalha na varanda da casa que fica no bairro Mararu. Os familiares acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e seguiram em direção ao hospital.

Após fazerem a transferência de Matheus para ambulância ele foi encaminhado para o Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo onde não resistiu após sofrer uma segunda parada cardiorrespiratória e veio a óbito.

Danilo Almeida, executivo da distribuidora de energia Equatorial Pará alerta que utilizar equipamentos molhados, em locais inundados, ou manusear equipamentos elétricos estando com o corpo molhado ou descalço, aumentam o risco de choque elétrico.

A avó do menino também faz um apelo. “Nós estamos inconsoláveis com essa tragédia. Meu neto não voltará mais. Mas que seja exemplo pra muitos que teimam em usar o celular ligado ao carregador”.

Alerta

O choque elétrico de aparelhos celulares pode causar além de queimaduras cutâneas, lesões em órgãos internos e outros tecidos brandos, arritmias cardíacas e parada respiratória, como foi o caso de Matheus Campos.

Dados do 4º Grupamento de Bombeiros Militar, apontam que de janeiro a agosto 2020, já foram registradas 44 ocorrências relacionadas a descarga elétrica somente em Santarém e regiões próximas.

Para Danilo Almeida é necessário estar atento e tomar os devidos cuidados. “A gente reforça que não se deve ligar qualquer aparelho eletrodoméstico às tomadas durante chuvas com raios, chuveiros elétricos também não devem ser usados, cuidado com antenas de Tv no período de formação da chuva. Muito cuidado também com uso de celular conectado à tomada, principalmente se estiver com fone de ouvido”.

De acordo com executivo há também outros cuidados que devem ser tomados em dias chuvosos. Confira:

  • Desligar imediatamente os disjuntores em casos de inundação.
  • Equipamentos que não estiverem sendo utilizados, devem ficar desligados da tomada.
  • Nunca se aproximar de cabos ou fio partidos em vias.
  • Em caso de problemas entrar em contato imediatamente com a empresa responsável pela rede elétrica.

Comentários