Cidades

Governador do DF teme dificuldades em 2021, “vai ser um ano de muita fome”

Ibaneis Rocha fez uma nova declaração sobre os problemas que a pandemia pode provocar em 2021, “ano que vem, vai ser um ano de muita dificuldade”, disse durante um evento de inauguração nesta sexta-feira

diario da manha
Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (2), durante a inauguração de uma obra de revitalização no canal de irrigação localizado no Park Way, no Distrito Federal, o governador Ibaneis Rocha (MDB), declarou que está preocupado com as consequências que a pandemia pode provocar em 2021. “Ano que vem, vai ser um ano de muita dificuldade, muita fome”.  

De acordo com o governador, para garantir a oferta de produtos é necessário fortalecer a atividade rural. Durante seu discurso, Ibaneis disse que o governo precisa estar nas ruas para saber o que acontece com a população em meio a crise provocada pela Covid-19.

Segundo chefe do Executivo local, os gabinetes isolam os governantes dos problemas enfrentados pelo povo. Anteriormente, durante a assinatura de uma cessão de terreno ele declarou que o desemprego no DF atingia 300 mil pessoas. “Isso é muito difícil para se enfrentar”. 

Já na inauguração de hoje reclamou das críticas que recebeu após sua ida a Feira do Guará. “Eu fui criticado, porque eu fui comer um pastel […]. Mas eu fui lá para ver como estavam as condições”, explicou. Em seguida, Ibaneis ressaltou que uma das queixas dos feirantes era sobre problemas no telhado que já foi resolvido, “eu prometi”, apontou.

*Com informações do Metrópoles.

Comentários