Cidades

PF investiga suspeito de usar dados de Neymar para receber auxílio do governo

Segundo as investigações, o homem abriu duas contas usando o CPF do jogador Neymar

diario da manha

Na manhã desta terça-feira (27), a Polícia Federal fez uma operação de busca e apreensão na cidade de Fortaleza, contra um suspeito de aplicar golpes para receber o auxilio emergencial que o governo disponibilizou para os brasileiros que perderam o emprego devido a pandemia. O suspeito estava usando os dados do jogador Neymar.

O suspeito está sendo investigado pelos golpes que supostamente estaria cometendo. Ele já teria aberto várias contas no nomes de famosos como o Neymar, o ministro Paulo Guedes e também o bolsonarista Luciano Hang, dono da Havan.

O homem estava fazendo tudo isso para receber o dinheiro do auxilio emergencial que e só para quem não tem renda. Segundo as informações, nenhuma das três pessoas que foram divulgadas tem qualquer tipo de envolvimento com o golpe.

No mês de junho, foram roubado todos os dados do atacante do PSG e de toda a seleção brasileira. O suspeito estava abrindo contas na Caixa Econômica Federal para receber o auxílio de R$ 600.

Na casa dele foram aprendidos documentos e mídias que serão submetidos à perícia, para análise. Mas, de acordo com as investigações, o homem abriu duas contas usando o CPF do jogador Neymar, uma delas com intuito de receber o benefício.

Comentários