Cidades

DF: Aluno de curso para vigilantes morre em aula de primeiros-socorros

Pouco antes do ocorrido, o homem participava de atividade ao ar livre, na qual era preciso enrolar e desenrolar uma mangueira

diario da manha

O aluno de um curso de vigilantes, Adailton de Oliveira Rodrigues, 43 anos morreu durante aula de primeiros-socorros, na tarde desta terça-feira (2/2), em uma academia do Setor de Indústrias Gráficas (SIG) no DF. Pouco antes do ocorrido, o homem participava de atividade ao ar livre, na qual era preciso enrolar e desenrolar uma mangueira. 

De acordo com o Sindicato dos Vigilantes do DF (Sindesv-DF) o aluno apresentou cansaço anormal e avisou o professor. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e os socorristas passaram 1h tentando reanimá-lo, mas o homem não resistiu e morreu.

Segundo Fabrício Cantuário, sócio do local onde ocorreu a morte, Adailton tinha todos os laudos médicos em dia, atestando a aptidão para os exercícios. “Foi uma fatalidade. Registrei o boletim de ocorrência e vou à Polícia Federal também, pois eles que organizam nossos cursos”, disse. A família da vítima foi avisada.

Um dos diretores do sindicato da categoria, Gilmar Rodrigues, lamentou a morte inesperada do aluno. “Era morador de São Sebastião, uma pessoa forte. Infelizmente, teve esse mal súbito”.

Os caso está sendo investigado pela 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul). A informação é do Metrópoles.

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe DM Online www.dm.jor.br pelo WhatsApp (62) 98322-6262 ou entre em contato pelo (62) 3267-1000.

Comentários