Cidades

Homem é agredido com marretadas na cabeça em Senador Canedo

Suspeito até o momento não foi preso pelo crime, vítima encontra-se internada no Hugo em estado grave

diario da manha
Foto: Meramente Ilustrativa

Uma confusão registrada no último domingo (31/1) em uma borracharia terminou com um homem agredido com marretadas na cabeça por um colega de trabalho, na Rua JC-17, no Residencial Jardim Canedo, em Senador Canedo região metropolitana da capital.

De acordo com a Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) uma testemunha afirmou que os envolvidos na confusão eram funcionários do estabelecimento, e que após uma discussão entre eles, o suspeito agrediu a vítima com marretadas na cabeça.

Para a polícia, a testemunha da confusão, disse que logo após o desentendimento entre eles, o autor das agressões pegou seus objetos pessoais e fugiu do local do crime. O dono da borracharia informou a equipe policial as características e o nome do suspeito, que não foi divulgado, para que a polícia pudesse efetuar a prisão do mesmo, o que não ocorreu até o momento.

Conforme o proprietário do estabelecimento suspeito, vítima e outros três funcionários do local passaram a noite bebendo bebidas alcoólicas, e não soube explicar o que teria motivado ou levado as agressões.

Segundo as informações divulgadas pela polícia, uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (Samu) se deslocou até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade e esperava a chegada de uma ambulância para fazer a transferência do rapaz agredido para o Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO), uma vez que o mesmo foi resgatado em estado gravíssimo e perdido uma grande quantidade de sangue e da massa encefálica.

O DM Online entrou em contato com a equipe de assessoria do Hugo em busca de informações sobre o estado de saúde da vítima. Em nota o hospital informou que o jovem agredido encontra-se internado em estado grave, sedado e intubado.

O autor das agressões até o momento não foi encontrado e segue foragido.

Comentários