Cidades

Mulher é presa por estuprar ex-namorado

A mulher teve prisão temporária decretada pelos crimes de estupro de vulnerável e divulgação de cena de estupro de vulnerável.

diario da manha

Lídia Nayara de Azevedo foi presa nesta quarta-feira (14), em Copacabana, na Zona Sul do Rio. A mulher é acusada de dopar e estuprar o ex-namorado. O caso aconteceu na última segunda-feira (12), mas a vítima só procurou a 13ª DP dias depois do crime.

A mulher teve prisão temporária decretada pelo delegado Felipe Santoro, pelos crimes de estupro de vulnerável e divulgação de cena de estupro de vulnerável. O homem relatou a Polícia Civil que foi convidado por Lídia a ir até a casa dela, onde foi dopado e estuprado pela ex-namorada, que filmou a ação.

A vítima informou que só soube o que havia acontecido horas depois, quando acordou e foi informado pela mãe de que Lídia enviou fotos e vídeos do ato para ela.

Os agentes da 13ª DP, prenderam a mulher, e apreenderam os dispositivos eletrônicos usados para divulgar as imagens.

Foi descoberto na delegacia, que Lídia tem uma ficha criminal extensa, com anotações por uma tentativa de homicídio e por roubo a transeunte.

Foi registrada a ocorrência e a mulher encaminhada à audiência de custódia.

Comentários