Cidades

Filho descobre que caixão da mãe sumiu do túmulo, em Cidade Ocidental

Os responsáveis lamentaram o ocorrido e asseguraram que estão investigando para descobrir o que realmente aconteceu

diario da manha

Uma família denunciou que o caixão da mãe, enterrada há 11 anos, sumiu do jazigo em que deveria estar no Cemitério Jardim Paraíso, em Cidade Ocidental, região do Entorno do Distrito Federal.

José Marcus da Rocha foi surpreendido com a informação quando foi enterrar a esposa, no último dia 9 de maio. A empresa Milênio, responsável pela administração do cemitério, informou, por meio de nota, que também ficou surpresa com o fato e que é a primeira vez que algo do tipo acontece. 

Os responsáveis lamentaram o ocorrido e asseguraram que estão investigando para descobrir o que realmente aconteceu. O comunicado também detalhou que ”tudo indica que se tratou de um erro documental ocorrido em 8 de maio de 2010, quando foi feita a venda do jazigo e sua primeira utilização”.

O filho conta que perdeu a esposa no último dia 8 de maio e que ela seria enterrada no jazigo em que a mãe dele estava, que pertence à família. No entanto, quando foram abrir a cova, encontraram o corpo de outra pessoa.

”Chegarmos no cemitério para exumar o corpo da minha mãe, mas, infelizmente, não encontramos nossa mãe no túmulo. Encontramos os restos mortais de um senhor. Ficamos muito abalados”, relatou o filho.

Devido a todo problema, o corpo da esposa de Marcus teve que se enterrado em outro jazigo. ”Não sabemos onde está o corpo da nossa mãe e o cemitério também não entrou em contato para nos dar nenhuma informação a respeito, mas tenho fé em Deus que a gente vai conseguir resolver tudo”, completou o filho.

A administração do Cemitério divulgou uma nota informando que ”toda a assistência devida foi prestada à família, inclusive com a cessão gratuita de um novo jazigo aos familiares”.

tags:

Comentários