Cidades

Mabel elogia geração de empregos: Goiás é o 1º do Centro-Oeste e o 6º no país

Goiás se destacou novamente na criação de postos de trabalho

diario da manha

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, comemorou os números divulgados nesta quinta-feira (29) do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), órgão ligado ao Ministério da Economia, sobre o emprego em Goiás.

De acordo com o dirigente da Fieg, o estado alcançou no primeiro semestre de 2021 77,7 mil empregos com carteira de trabalho assinada. Os dados do Caged apontam Goiás em primeiro lugar em primeiro lugar e em sexto no país no saldo de emprego. 

“Os números do emprego divulgados pelo Caged expressam capacidade de trabalho dos empreendedores goianos, que não se intimidaram com a crise da pandemia nem com equívocos do goveerno”, observou Sandro Mabel.

Para o líder o classista, o setor produtivo goiano dá mostras a cada dia de sua força empreendedora. “Os empresários de Goiás são exemplares e se destacam como os mais ousados e criativos em nível nacional. Com a vacinação em massa, seremos o estado que crescerá mais no Brasil, deixando para trás São Paulo, Minas, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul”, finalizou.

Comentários