Cidades

Suspeitos de invadir sistema informático para libertar criminosos são presos

Conforme a polícia, até poucos meses os suspeitos cumpriam penas de reclusão em unidades prisionais de Goiás

diario da manha
Foto: Divulgação

A Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (Dercc) realizou na manhã desta quinta-feira, 16, a Operação Mandaces que cumpriu dois mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão domiciliares em Goiânia e Trindade.

De acordo com as investigações, os suspeitos integram uma associação criminosa voltada para a prática de invasão de sistema informático, falsificação de documento público e associação criminosa.

Conforme a polícia, até poucos meses os suspeitos cumpriam penas de reclusão em unidades prisionais de Goiás, por extorsão, associação criminosa e receptação de produtos roubados e se associaram a outros criminosos enquanto estavam presos.

Eles falsificavam documentos públicos e após a invasão de sistemas informáticos, possibilitavam a liberdade de criminosos condenados a altas penas de reclusão.

Durante as buscas foram apreendidos aparelhos celulares, computadores e documentos e duas armas de fogo, acompanhadas de muitas munições.

A Operação Mandaces foi coordenada pela Dercc e contou com o apoio da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE/GT3) e com equipe do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (DENARC).

Leia também:

Comentários