Cidades

Suspeitos são presos tentando dar golpe de mais de R$ 400 mil em criador de rebanho

A polícia aponta a existência de uma associação criminosa voltada para prática de estelionato

diario da manha
Foto: Divulgação

A Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Rurais (DERCR), prendeu em flagrante, na última segunda-feira, 13, dois integrantes de uma associação criminosa que realizava negociações fraudulentas na aquisição de animais bovinos em Goiás.

Conforme a polícia, José Ribamar Pereira Silva, de 52 anos e Leandro Severino Alves, de 42 anos, foram surpreendidos quando utilizavam dados falsos de um produtor rural da cidade de Alexânia (GO), na tentativa de realizar uma negociação de mais de R$ 400 mil, com um criador de rebanho em Avelinópolis (GO).

Segundo as investigações, para ganhar a confiança da vítima, os suspeitos fizeram um depósito bancário no valor de R$ 36 mil, além de firmarem contrato com dados e selo de cartório falsos, referente ao restante do pagamento em parcelas que totalizavam mais de 90% do acordado.

Até o momento, a polícia aponta a existência de uma associação criminosa voltada para prática de estelionato que busca aplicar fraudes diversas por meio de estrutura financeira, logística e divisão de tarefas entre os envolvidos.

Os suspeitos foram identificados e autuados em flagrante durante a Operação Crédito Oculto. Os dois possuem condenações criminais.

Leia também:

Comentários