Cidades

Antes matar a mãe de Delino Marçal, rapaz em surto tentou matar esposa e enteada

De acordo com o delegado do caso, o rapaz saiu pelado de casa, arrombou a porta da igreja, brigou com um homem e arrancou um pedaço de metal da porta da igreja, que usou para agredir a pastora

diario da manha
Foto: Reprodução

O rapaz suspeito de matar a mãe do cantor gospel Delino Marçal na manhã de hoje, 14, teria tentando matar a esposa e a enteada horas antes, quando teve o surto psicótico. A informação foi confirmada pelo delegado do caso André Veloso.

A pastora Odete Rosalina, de 79 anos, foi morta com golpes de barra de ferro em frente a igreja Assembleia de Deus, no Bairro Kátia em Goiânia. O crime ocorreu após, o jovem que estava em surto, invadir a igreja e brigar com um homem, e seguida ele agrediu a pastora com uma barra de ferro, e fugiu do local.

Em entrevista ao G1, o delegado afirmou que o rapaz chegou em casa às 21h, e que por volta das 2h acordou, surtado, tentou matar a esposa, e a enteada. E provavelmente fez o uso de drogas durante a noite.

De acordo com a publicação, o tio da esposa do rapaz em surto, tentou parar o jovem, mas o autor das agressões contra a pastora deixou a residência onde morava pelado, e ficou andando pelas ruas, quando foi para a igreja, arrombou a porta e agrediu a pastora.

Conforme o delegado responsável pelo caso, o rapaz arrancou um pedaço de metal da porta da igreja, o qual usou para agredir e matar a pastora, que foi encontrada já na calçada em frente a igreja, onde o fato ocorreu.

Leia também:

Comentários