Cidades

Homem é indiciado após apresentar atestado falso depois de faltar ao trabalho

diario da manha

Um homem foi indiciado pela Polícia Civil por apresentar um atestado médico falso para faltar ao trabalho no último réveillon, em Caldas Novas, sul do estado. Segundo os policiais o próprio patrão desconfiou da autenticidade do documento e fez a denuncia.

Investigações apontam uma fraude no documento apresentado pelo suspeito. O atestado foi apresentado no dia 30 de dezembro. Nele, constava que o paciente teria passado por uma consulta na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), sendo necessário dez dias de repulso devido uma gripe.

Ao ser ouvido pela polícia, o médico que teve o nome usado, contou que não atendia mais na UPA cera de sete anos e que não tinha consultado aquele paciente na data apontada, pois estava viajando. O atestado tinha o timbre da unidade de saúde e um carimbo com o nome do médico, porém não tinha assinatura do profissional. Além disso, o número de registro médico no Conselho Regional de Medicina que estava no carimbo estava errado, contendo um dígito a mais.

A UPA informou que não há registro do suposto paciente na unidade. O homem irá responder pelo crime de uso de documento público falso. A pena poderá chegar a seis anos de prisão e multa. A prefeitura da cidade ainda não se pronunciou sobre o caso.

Segundo informações do G1

Leia também:

Comentários