Cidades

15 pessoas são indiciadas por extrair ouro de forma ilegal

O ouro era extraído em garimpos ilegais do Mato Grosso e tinha como destino a Itália

diario da manha
Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal (PF) indiciou 15 pessoas por extrair, transportar e comercializar de forma ilegal ouro que seria levado para a Europa. Conforme a polícia, a investigação começou há 2 anos, após mais de 100kg do minério ser encontrado em avião no Aeroporto de Goiânia.

A PF informou que o ouro era extraído em garimpos ilegais do Mato Grosso e tinha como destino a Itália. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em Goiás, MT e São Paulo e duas aeronaves apreendidas.

Segundo a PF, entre as 15 pessoas identificadas estão:

  • garimpeiros: que extraíam o ouro
  • intermediários: que fizeram a pesagem e o beneficiamento do minério;
  • grandes empresários: que adquiriam o ouro e o transportavam em aeronaves com notas fiscais falsas;
  • financiadores: pessoas que financiavam o grupo para a manutenção dos crimes.

Os nomes dos indiciados não foram divulgados.

Com informações do G1

Leia também:

Comentários