Cidades

Idoso que matou passageiro durante briga em ônibus é denunciado à justiça

Segundo a investigação, o idoso embarcou no ônibus em Anápolis e, desde o início do trajeto, estava alterado e agressivo

diario da manha

O idoso Alonço José da Silva Filho, de 63 anos, que matou um passageiro durante briga por causa da luz de leitura acesa no ônibus, foi denunciado à Justiça pelo Ministério Público por homicídio qualificado, na última segunda-feira, 28. De acordo com informações do site do Tribunal de Justiça de Goiás, ele está preso desde o dia do crime, em 8 de março deste ano.

A vítima é Marcos Oliveira de Morais, de 52 anos. O ônibus de turismo saiu de Anápolis com destino a São Paulo, mas a viagem foi interrompida em Aparecida de Goiânia por causa do crime. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o suspeito admitiu ter ingerido bebida alcóolica no dia da viagem.

O promotor de Justiça Daniel Roberto Dias do Amaral sustentou na denúncia que a vítima foi morta com uma facada no peito por estar com a luz de leitura ligada. Segundo a investigação, o idoso embarcou no ônibus em Anápolis e, desde o início do trajeto, estava alterado e agressivo. Não foi possível localizar a defesa do acusado para que se posicionasse sobre o caso. Se condenado, Alonço José pode pegar até 30 anos de prisão.

Segundo infiormações do G1

Leia também:

Comentários