Cidades

Júri dos acusados de matar Valério Luiz pode ser adiado

O radialista foi morto a tiros no dia 12 de julho de 2012

diario da manha

Conforme informações extra oficiais, o julgamento dos acusados de matar o jornalista Valério Luiz de Oliveira pode ser adiado. O júri foi marcado para às 8h30 desta segunda-feira, 14, mas até o momento não teve início e existe a possibilidade de que o mesmo seja adiado. Outras informações sobre o possível adiamento do juri a qualquer momento.

O jornalista Valério Luiz foi morto a tiros no dia 12 de julho de 2012, quando saía da Rádio Bandeirantes 820 AM, onde trabalhava, no Setor Serrinha, em Goiânia.

No processo, além de Maurício Sampaio, apontado como mandante do crime contra o jornalista, estão Urbano Carvalho, que trabalhava para Maurício e é acusado de contratar o policial que teria executado Valério; Djalma Gomes, PM que, segundo a acusação, trabalhava como segurança de Maurício e recebia favores por isso; o açougueiro Marcus Vinícius Pereira Xavier, que teria colaborado com o planejamento do crime; e ainda Ademá Figueiredo, PM acusado de fazer os disparos que mataram o jornalista. Maurício Sampaio chegou a ser preso, entre fevereiro e maio de 2013, mas aguarda o julgamento em liberdade.

Leia também:

Comentários