Cidades

Madeira extraída de áreas de preservação da região amazônica é apreendida

Três suspeitos envolvidos no crime foram presos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Nova Crixás (GO)

diario da manha
Foto: Divulgação

Policiais militares do Comando de Operações de Divisas (COD) apreenderam, na sexta-feira, 20, um carregamento de madeira extraída de áreas de preservação permanente da região amazônica, avaliada em R$ 800 mil. A carga, era transportada em um caminhão que foi abordado pela equipe do COD, que realizava operações na região Oeste do Estado de Goiás.

“A retirada da cobertura vegetal pode desencadear diversos problemas, como perda da biodiversidade, degradação de habitat e alterações climáticas, provocando danos direto ao solo, a água, à flora e à fauna”, afirma a corporação.

De acordo com o COD, o motorista do caminhão confessou que teria buscado a carga em Santarém (PA) e que tinha como destino final a cidade de São Paulo (SP).

Três suspeitos envolvidos no crime foram presos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Nova Crixás (GO). Fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis
(IBAMA-GO) foram acionados para realizaram a apreensão do carregamento.

Um caminhão, dois tratores e um carro, também foram apreendidos.

Leia também:

Comentários