Cidades

Polícia investiga tentativa de estupro em caso de irmãs esfaqueadas em Planaltina de Goiás; uma delas morreu

Warlisson Antonio Dos Santos De Sousa, de 21 anos foi preso

diario da manha
Foto: Reprodução

Warlisson Antonio Dos Santos De Sousa, de 21 anos foi preso suspeito de matar Emily Rodrigues dos Santos, de 19 anos e esfaquear a irmã dela, de 16, durante um assalto em Planaltina de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. Conforme a adolescente que conseguiu fugir, ele tentou estuprá-las na madrugada de sábado, 14, enquanto as vítimas voltavam de uma festa.

O suspeito foi preso pela Polícia Militar na tarde de domingo, 15, e segundo o delegado responsável pelo caso, Lucas Rocha, segue preso até a manhã desta segunda-feira, 16.

“No interrogatório, ele confessou o latrocínio e a tentativa de latrocínio, mas ainda estamos esclarecendo a tentativa de crime sexual. Ele acabou negando que tenha exigido favores sexuais”, afirma o delegado.

Conforme a Polícia Civil, Ana Luiza, segue internada no Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), com estado de saúde estável. Ela teve lesões na mão e ferimentos no tórax após as facadas. A irmã dela Emily deixa um filho de 2 anos.

“O autor colocou as duas sentadas no chão e falou que, se as mesmas tivessem relação sexual com ele, não as roubariam. Elas não aceitaram, momento em que foram esfaqueadas e a mais nova saiu correndo solicitando socorro”, descreve a ocorrência.

Warlisson Antonio já possui antecedentes criminais pelo crime de roubo.

Leia também:

Comentários