Coronavírus

Sintomas da Covid pode persistir por meses em pacientes internados

Dentre eles os principais sintomas são: falta de ar, fadiga, depressão e ansiedade.

diario da manha

Pacientes que ficaram internados em decorrência da COVID-19 e tiveram alta ainda sente os sintomas da doença por vários meses, pelo menos mais da metade deles. Dentre eles os principais sintomas são: falta de ar, fadiga, depressão e ansiedade.

Esses dados foram apontados pelo estudo realizado pela Universidade de Oxford, com vários cientistas do Reino Unido a frente da pesquisa. Com isso a teoria de que pacientes diagnosticados com Covid-19 pode carregar sequelas da doença por muito tempo fica ainda mais forte.

No estudo foram analisados 58 casos, e logo depois de terem recebido alta das internações, foram percebidos efeitos colaterais relacionado ao vírus ainda por alguns meses. Até cerca de 3 meses depois houve relatos de fadiga extrema (55%) e também anomalias em órgãos como pulmões (60%), rins (29%), coração (26%) e fígado (10%).

A médica Betty Raman, do Departamento Radcliffe de Medicina, de Oxford, em entrevista falou sobre a importância do acompanhamento e monitoramento desses pacientes de covid que receberam alta até um tempo depois do receberem alta das internações, para que haja maior entendimento sobre os efeitos do coronavírus a longo prazo no organismo.

tags:

Comentários