Coronavírus

54 internos de um abrigo em Inhumas testaram positivo para Covid-19

Segundo a Superintendente de Vigilância em Saúde, Fernanda Mazão, até o momento, ninguém precisou de internação, mas caso precise, o município de Inhumas já organizou toda estrutura para atender os pacientes com Covid-19

diario da manha
Foto: Google

Na manhã desta terça-feira (1), a Superintendência Municipal de Saúde do município de Inhumas, contabilizou 54 internos do Abrigo Associação Espírita Casa do Caminho, que testaram positivo para a Covid-19. Entre eles, três funcionários também foram detectados com a doença e estão em isolamento domiciliar.

Fernanda Mazão, a superintendente de saúde, explicou que dos 54 casos, 28 são pessoas idosas e os outros 26 são portadores de deficiência. Todos eles continuam no abrigo isolados, sendo atendidos por equipes diferentes. Segundo Fernanda, até o momento, ninguém precisou de internação, mas caso precise, o município de Inhumas já organizou toda estrutura para atender os pacientes com Covid-19.

Ainda de acordo com a superintendente, após um dos internos apresentar sintomas da doença, a Vigilância em Saúde de imediato foi comunicada. Tanto o interno que apresentou sintomas, quanto as demais 5 pessoas que tiveram contato entre si, fizeram os exames e todos testaram positivo.

Na última sexta-feira (28), 104 amostras de exames foram coletadas no local. Funcionários que já haviam testado positivo antes, também foram submetidos aos testes que foram enviados para o Laboratório de Saúde Pública Drº Giovanni Cysneiros (Lacen) e na manhã desta ter-feira, alguns resultados já ficaram prontos.

Fernanda disse ainda que todos os internos e os funcionários, foram vacinados em janeiro e fevereiro deste ano com as duas doses do imunizante CoronaVac e também tomaram a vacina contra a gripe ( influenza).

Casos da doença em abrigos

Atualmente, Inhumas já é a terceira cidade goiana a registrar surtos de Covid-19 em abrigos. Em Anápolis, a 55 km de Goiânia, foi a primeira cidade a registrar casos do vírus em um abrigo de idosos, onde 60 dos 78 internos testaram positivo, tendo 3 mortes registradas. Todos os idosos do abrigo de Anápolis foram vacinados com as duas doses da CoronaVac.

Em Goiânia, também foram registrados casos da doença no Lar Hermes Amorim, no Setor Jaó, onde vive 18 idosos. Oito deles e mais três funcionários testaram positivo para a Covid-19. Todos os idosos e funcionários do lar, também tomaram as duas doses do imunizante contra a Covid-19.

Comentários