Coronavírus

Um lote de teste da vacina Sputnik V foi produzido no México

O medicamento produzido no México vai ser usado para implementar o programa de vacinação contra o coronavírus do país.

diario da manha

O Fundo Russo de Investimento Direto, o fundo soberano da Federação Russa e a farmacêutica mexicana Laboratorios de Biológicos e Reactivos de México (BIRMEX) anunciam a produção de um lote-teste da vacina russa contra o coronavírus Sputnik V no país.

O México se tornou o primeiro estado da América do Norte a registrar o Sputnik V e a lançar a produção da vacina russa. O medicamento produzido no México vai ser usado para implementar o programa de vacinação contra o coronavírus do país. A produção da vacina Sputnik V no México foi organizada pelo RDIF e seu parceiro mexicano BIRMEX.

Hoje o Sputnik V está registrado em 67 países, com uma população total de mais de 3,5 bilhões de pessoas. Dados de órgãos reguladores de vários países, incluindo México, Argentina, Sérvia, Bahrein, Hungria, Emirados Árabes Unidos e outros estados, obtidos durante a vacinação da população, demonstram que o Sputnik V é uma das vacinas mais seguras e eficazes contra coronavírus. 

A vacina Sputnik V foi criada em uma plataforma de vetor adenoviral humano comprovada e bem estudada e usa dois vetores diferentes para duas vacinações durante a vacinação, proporcionando imunidade mais duradoura do que as vacinas que usam o mesmo mecanismo de entrega para ambas as vacinações.

Kirill Dmitriev, CEO do Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF), disse:

“A produção de um lote de teste é uma etapa importante no processo de transferência e esperamos que atenda totalmente aos requisitos mais rigorosos. O Sputnik V tem sido usado com sucesso no México por vários meses e apresenta excelentes indicadores de segurança e eficiência. Com o lançamento da produção local, a RDIF e seus parceiros estão se esforçando para fornecer um acesso mais rápido ao medicamento para a população mexicana e apoiar o aumento das taxas de vacinação no país “.

A vacina Sputnik V tem vantagens importantes:

  • A eficácia da vacina é de 97,6% com base na análise de dados de incidência de coronavírus entre russos vacinados com os dois componentes da droga no período de 5 de dezembro de 2020 a 31 de março de 2021
  • A vacina “Sputnik V” é baseada em uma plataforma comprovada e bem estudada de vetores adenovirais humanos que causam o resfriado comum e que a humanidade tem enfrentado por milênios.
  • A vacina “Sputnik V” usa dois vetores diferentes para duas injeções durante o processo de vacinação, o que cria uma imunidade mais forte em comparação com vacinas que usam o mesmo mecanismo de entrega para ambas as injeções.
  • A segurança, eficácia e ausência de efeitos negativos de longo prazo das vacinas de adenovírus foram comprovadas em mais de 250 estudos clínicos ao longo de duas décadas.
  • A “Sputnik V” não causa alergias graves.
  • A temperatura de armazenamento da “Sputnik V” de + 2 + 8 graus Celsius permite que seja armazenada em refrigerador convencional sem a necessidade de investimento em infraestrutura adicional da cadeia de frio.
  • A “Sputnik V “custa menos de US$ 10 por injeção, o que a torna disponível para todo o mundo.

O Fundo de Investimento Direto Russo (RDIF) foi fundado em 2011 para investir no capital de empresas principalmente na Rússia, juntamente com os principais investidores financeiros e estratégicos estrangeiros. O fundo atua como um catalisador para o investimento direto na economia russa.

No momento, o RDIF tem um histórico de sucesso na implementação conjunta de mais de 90 projetos com parceiros estrangeiros com um volume total de 2.1 trilhão de rublos, cobrindo 95% das regiões russas. As empresas do portfólio do RDIF empregam mais de 1 mln funcionários e sua receita anual é de 6% do PIB da Rússia.

Comentários