Cotidiano

A partir de abril, fotossensores na Avenida 85 irão começar a multar em Goiânia

diario da manha

Motoristas que trafegam pela avenida 85 devem ficar mais atentos às sinalizações na via. É que a partir do dia 5 de abril os veículos sem autorização para trafegarem no corredor de ônibus poderão ser flagrados por fotossensores que estão em processo final de instalação e aferição.

A Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMT) informa que o período educativo se inicia nos próximos dias e que o condutor terá cerca de 15 dias para se acostumar às novas regras.

Serão afixadas faixas informativas indicando a data de início do registro da penalidade em todos os pontos equipados com fotossensores. Estarão livres das autuações os taxistas, autorizados a trafegar no corredor de ônibus desde dezembro de 2014.

Os equipamentos eletrônicos vêm sendo instalados desde o início de fevereiro e devem ser aferidos pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) para iniciar o registro das infrações.

Cruzamentos com fotossensores

Ao longo da Avenida 85, oito cruzamentos já contam com os equipamentos eletrônicos, sendo que em três deles já se fiscalizava eletronicamente avanço de sinal e parada de veículos em faixa de pedestres. Cinco novos fotossensores já estão em processo de finalização de instalação e passam, nesta última etapa, pela aferição do Inmetro.

Os pontos com novos radares são: Av. 85 com Rua 103 e com 105/106, no Setor Sul; Av. 85 com Av. Mutirão/Ricardo Paranhos, no Setor Marista; Av. 85 com Alameda Coronel Joaquim Bastos, no Setor Bueno; e Av. S1 com Rua T-13, nos Setores Bela Vista (sentido S/N) e Bueno (sentido N/S).

Multas

Além de flagrantes de parada de veículos em faixa de pedestres e avanço de sinal, serão registrados o excesso de velocidade permitida na via, que é de 60 km, e uso indevido da faixa preferencial para ônibus por veículos de passeio, como já ocorre nos corredores da Avenida Universitária e T-63.

A penalidade para a infração considerada leve é de multa no valor de R$ 53,20, com registro de 3 pontos na carteira de habilitação.

Comentários

Mais de Cotidiano