Ministro Mangabeira Unger propõe que Goiás lidere movimento nacional

diario da manha
Governador na reunião com o Ministro Roberto Mangabeira. Fotos: Wagnas Cabral Data: 19.06.2015

A construção de um movimento nacional liderado por Goiás, junto aos estados do Centro-Oeste, em defesa de uma agenda comum para a região foi proposta pelo ministro-chefe da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, Roberto Mangabeira Unger, ao governador Marconi Perillo em reunião realizada na manhã desta sexta-feira (19). O encontro ocorreu no Palácio Pedro Ludovico Teixeira.

Ao menos quatro pontos que devem constar na agenda dos estados foram propostos por Mangabeira Unger: a definição de um currículo em comum para o Ensino Médio; a criação de uma agência interestadual de empreendedorismo; a recuperação de pastagem nos estados; e políticas para o extrativismo rural.

“Estou com a tarefa de ajudar a presidente a fazer uma agenda de desenvolvimento, após o ajuste fiscal. E, para isso, estou rodando o Brasil. Preciso de uma visão ampla e compreender as demandas regionais”, afirmou Mangabeira. O ministro solicitou ao governador que agende encontro com os demais governadores do Centro-Oeste.

Participaram da reunião em Goiânia auxiliares do governo estadual, como os secretários Thiago Peixoto (Segplan), Ana Carla Abrão (Sefaz), Joaquim Mesquita (SSP), Raquel Teixeira (Seduce), Leda Borges (Cidadã) e Henrique Tibúrcio (Segov), além do presidente da Juceg, Rafael Lousa.

A missão do ministro a Goiás continuou no período da tarde com visita ao Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia) e reunião com empresários do setor farmoquímico. O secretário Thiago Peixoto acompanhou a comitiva integrada também pelo secretário de Ciência e Tecnologia do Distrito Federal, Paulo Salles, e pelo prefeito de Anápolis, João Gomes.

Foto: Wagnas Cabral

tags:

Comentários