Cotidiano

Brasil registra recorde no número de queimadas desde 1999

diario da manha
Foto: Diego Gurgel / SecomAcre (13/09/2016)

Em 2017 o Brasil bateu o recorde de queimadas desde que o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) começou a série histórica, em 1999. O Cerrado é o bioma que conta com mais casos de unidades de conservação ambiental atingidas, contabilizando 75% de toda destruição nas áreas protegidas. As informações são do jornal O Globo.

Neste ano, os incêndios aumentaram nas florestas naturais, avançando inclusive em locais onde não havia registro de chamas nos anos anteriores. Além disso houve aumento em terras indígenas e em áreas de conservação.

Este ano foram registrados mais de 272 mil focos de incêndio. Ainda segundo o jornal, isso representa 46% a mais do que todos os registros de 2016. O recorde anterior era o de 2004, quando foram registrados 270 mil pontos de fogo.

Boa parte dos registros, trata-se de incêndios criminosos. Eles foram responsáveis pela destruição de 986 mil hectares de unidades de conservação. A reportagem destaca que isso representa quase oito vezes a área da cidade do Rio de Janeiro. As terras indígenas atingidas tiveram aumento de 70%.

 

(Foto: Diego Gurgel / SecomAcre (13/09/2016)

Comentários

Mais de Cotidiano