Cotidiano

Loja de móveis devolve todo o dinheiro gasto no quarto após mãe perder o bebê

diario da manha

Renata Marino Senise perdeu sua filha de apenas 10 dias de idade. Tudo já estava pronto para sua chegada, o quarto inclusive. Após o falecimento de Bella, a mãe mal conseguia entrar no quarto e como ela mesmo disse, já não fazia sentido tê-lo ali.

Por isso Renata decidiu desmontar o quarto e para sua surpresa empresa aceitou os imóveis de volta e devolveu o dinheiro para ela.

A história ganhou visibilidade através do depoimento que Renata fez em sua página, como forma de agradecimento a empresa, pela compreensão e pela forma de lidar com o assunto.

A mãe explicou no texto que a arquiteta, que foi responsável pela montagem do quarto, também ajudou no momento de desmontá-lo. Isso, seis meses após a perda de Bella.

Foi a arquiteta quem entrou em contato com a empresa, que foi extremamente solícita e ofereceu duas opções: “ou mandariam um funcionário desmontar e embalar tudo e, quando eu quisesse, eles mandariam novamente uma pessoa para montar tudo, sem custo, ou então viriam buscar os móveis e me devolveriam todo o dinheiro. Sim, depois de 6 meses eles receberiam tudo de volta.”

Renata optou pela segunda opção. Devolver os produtos e ter o dinheiro de volta.

Quando ligou para agendar a busca dos móveis, a mãe se emocionou novamente. A atendente da loja respondeu: “nós vendemos mais que móveis, vendemos sonhos. E se o seu não foi do jeito que você queria, não faz sentido você ficar com esses móveis”.

A página da empresa foi bombardeada por elogios e pessoas que apoiaram a atitude. A empresa não se pronunciou oficialmente, mas respondeu as pessoas nos comentários.

Comentários

Mais de Cotidiano