Cotidiano

PC investiga como menor teria conseguido a arma para matar professor em Valparaíso de Goiás

diario da manha

Após apreender o adolescente de 17 anos, suspeito de matar o coordenador Júlio César Barroso de Sousa do Colégio Céu Azul, em Valparaíso de Goiás, Região do Entorno do Distrito Federal, a Polícia Civil (PC) investiga de quem seria o homem que forneceu a arma ao jovem.

De acordo com o delegado responsável pelo caso Rafael Pereja, o garoto disse em depoimento que pegou emprestado com um conhecido, mas até agora esse homem não foi localizado. O menor foi apreendido nesta quarta-feira (1º/05) na casa de parentes. O Juizado da Infância e Juventude em Valparaíso ainda vai definir para onde o adolescente será levado.

O crime aconteceu na última terça-feira (30/04). O adolescente teve uma discussão com uma professora e o coordenador interviu. O estudante deixou a escola ameaçando o profissional. À tarde, voltou armado e deu dois tiros no coordenador dentro da sala dos professores. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Comentários

Mais de Cotidiano