Cotidiano

Triagem de bagagem de mão no aeroporto de Goiânia começa nesta segunda (13)

diario da manha

A partir desta segunda-feira (13/05) o Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia, passa a despachar bagagens de mão (aquela o passageiro pode levar para dentro do avião) que estiverem fora do tamanho padrão. O despache também começou nos seguintes aeroportos: Salgado Filho, em Porto Alegre; Congonhas, em São Paulo; no Galeão, Rio de Janeiro; e Santos Dumont, também no Rio.

A implementação dos novos padões de bagem vem sendo aplicada por etapas. Na capital, por exemplo, de 24 de abril até este domingo 12 de maio, a Associação Basileira das Empresas Aéreas (Abear), promoveu uma campanha socioeducativa, em que os passageiros foram informados sobre o novo procedimento. Mas a fiscalização já era feita pelos funcionários das companhias aéreas no balcão, durante o check-in, ou no portão de embarque.

A Abear informa ainda que o trabalho dos seus agentes continuará sendo feito antes da área restrita dos aeroportos — onde, para entrar, o passageiro precisa mostrar seu bilhete de voo. O objetivo, da ação é justamente evitar que passageiros deinformados sobre as novas regas para os limites de tamanho e peso da bagagem de mão, ou em desrespeito a estes parâmetros, tenham o volume barrado no portão de embarque.

Medidas

De acordo com a Abear, as bagagens devem ter como tamanho máximo as medidas adotadas pela Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata). O padrão, que vale para Avianca, Azul, Gol e Latam, é de 55 cm de altura por 35 cm de largura e 25 cm de profundidade. Caso o tamanho seja maior que o permitido, os agentes da Abear vão redirecionar o passageiro ao balcão de check-in de sua companhia, onde terá que pagar pelo despacho do volume.

Tarifa

A tarifa para o despache de bagagens pode ser adquirida com desconto pelos canais digitais das companhias aéreas, nos quais o preço mínimo é de R$ 59. Se tiver de pagar de última hora ou no balcão de check-in, o cliente terá de desembolsar, em média, o dobro do valor da compra antecipada.

As regras que norteiam o embarque de passageiros e a cobrança para despachar bagagens estão em vigor desde março de 2017, conforme Resolução 400/2016 da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Comentários

Mais de Cotidiano

3 de julho de 2019 as 15:11

Morre Wágner Nasser