Cotidiano

Motorista de aplicativo assassinado cursava direito na PUC

diario da manha

Um jovem cheio de sonhos, Carlos Augusto dos Santos, tinha apenas 25 anos e cursava o 5º período do curso de direito na PUC, para garantir o sustento, há cerca de três meses passou a ser motorista de aplicativo.

Carlos era natural de São Luis do Maranhão(MA), e morava no Jardim Balneário Meia Ponte com os tios e os avós.

O jovem rapaz foi mais uma vítima da criminalidade em Goiânia, Carlos foi vítima de um assalto ontem(13), no bairro Recreio dos Funcionários em Goiânia, ao atender uma solicitação de viagem, Carlos foi de encontro aos supostos clientes na porta de um shopping na Av. Perimetral Norte, chegando ao local um casal entrou no veículo.

A dupla anunciou o assalto e Carlos por reflexo se assustou e reagiu, foi quando os criminosos dispararam três vezes contra a vítima, um dos tiros acertou a mão de Carlos e os outros dois acertaram o rosto da vítima.

Carlos morreu na hora, testemunhas afirmam que o casal fugiu e entrou em uma casa, foi quando acionaram a polícia, os suspeitos foram localizados e presos.

De acordo com a Polícia Civil, os criminosos visavam o carro da vítima, o veículo foi encomendado por detentos que agem dentro do complexo prisional ordenando crimes.

Ao todo seis pessoas foram presas, e já são conhecidos da polícia com passagens por furto, roubo e tráfico de drogas.

Comentários

Mais de Cotidiano