Cidades

Goiás terá obras em 1.600 km de rodovias, garante Caiado

“Vamos fazer de Goiás referência em rodovias e pontes”, diz o governador Ronaldo Caiado. Aplicativo da Goinfra possibilitará usuário interagir sobre situação de rodovias

diario da manha

O Governo de Goiás e a Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) preparam 1.579 quilômetros de obras de pavimentação, restauração e duplicação.

As obras atenderão 40 importantes trechos da malha rodoviária goiana. O prazo para execução, diz a Goinfra, abrange os próximos dois anos de gestão.

Ronaldo Caiado afirma que “Goiás será referência em rodovias e pontes”. O gestor diz que as obras devem ser realizadas para melhorar a vida do goiano e não para ser um poço de corrupção: “Temos que superar esse lado de que obra é feita para fabricar dinheiro para campanha eleitoral ou enriquecer pessoas que estão no seu comando”.

O Governo de Goiás prevê investimentos de cerca de R$ 1,8 bilhão para os próximos dois anos.

Pedro Sales, presidente da Goinfra, diz que a tendência é espalhar várias frentes de serviço:   “Seguiremos com nosso cronograma, que mantém frentes de serviços e homens espalhados pelo Estado, garantindo, assim, a boa condição nos trechos”.

Para facilitar o acompanhamento das obras, o presidente da Goinfra informa que um aplicativo será essencial para a transparência e comunicação: cidadãos poderão mandar fotos e preencher formulários sobre o estágio das intervenções do Governo de Goiás.  

Os dados serão acumulados e demonstrarão o andamento das obras.  “Vamos ter 7 milhões de fiscais”, diz Pedro, ao se referir sobre o número de habitantes do Estado.

As obras

Entre as duplicações, serão contemplados: 41 quilômetros da GO-020/139/147, entre Bela Vista de Goiás e Cristianópolis; 25 quilômetros da GO-020/139, entre Cristianópolis e o entroncamento da GO-217; 40 quilômetros da GO-139, entre os entroncamentos da GO-217/213; 14 quilômetros da GO-070, na região da cidade de Goiás; 63 quilômetros na GO-080, entre Nerópolis e o entroncamento da BR-153; e 3,8 quilômetros na GO-330, na entrada de Catalão.

Resultado de parceria do Governo de Goiás com o Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES), será concluída a pavimentação de cinco rodovias no Estado. São elas: 20 quilômetros da GO-132, entre Minaçu e Colinas do Sul; 32 quilômetros da GO-174, entre Diorama e Montes Claros; 52 quilômetros da GO-230, entre Água Fria de Goiás e Mimoso de Goiás; 38 quilômetros da GO-347, de Santa Terezinha de Goiás a Nova Iguaçu; e 17 quilômetros da GO-439, entre Pilar de Goiás e Guarinos.

Prevista também a pavimentação de 18 trechos de rodovias, com recursos oriundos do Tesouro Estadual. São 62 quilômetros da GO-454, na divisa entre Goiás e Mato Grosso; 65 quilômetros da GO-239, na região de Bandeirantes no noroeste goiano; 87 quilômetros da GO-334, entre Nova América e Mozarlândia; 44 quilômetros da GO-336, de Crixás a Nova Crixás; 53 quilômetros da GO-156, de Uirapuru a Santa Marta; 37 quilômetros da GO-154, de Novo Planalto ao Cruzeiro do Norte; 37 quilômetros da GO-132, entre Niquelândia e Colinas do Sul; 103 quilômetros de três trechos da GO-110, na região nordeste de Goiás; 15 quilômetros na GO-591, entre Cabeceiras e divisa entre Goiás e Minas Gerais; 27 quilômetros da GO-473, entre Vila Propício e Lagolândia; 7 quilômetros da GO-338, entre e o entroncamento da GO-080 e Malhador; 69,2 quilômetros da GO-184, na região de Jataí; 71 quilômetros da GO-306, na região de Mineiros; 62 quilômetros da GO-447/112, entre Divinópolis de Goiás e o entroncamento da GO-118; 7,7 quilômetros no Anel Viário no entroncamento da BR-060 e Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia); além da pavimentação de 13,5 quilômetros da GO-451, entre Campo Limpo de Goiás e o entroncamento da GO-433.

O Governo de Goiás também irá restaurar 42,3 quilômetros da GO-330, entre Anápolis e o entroncamento da GO-010; 15,5 quilômetros da GO-326, entre Sanclerlândia e Buriti de Goiás; e 72,2 quilômetros, entre Claudinápolis, Anicuns e Sanclerlândia; além de concluir 111,5 quilômetros da GO-060, entre Firminópolis e Iporá. Serão restaurados, ainda, 18,6 quilômetros da GO-418, na região de Fazenda Nova; 18,4 quilômetros da GO-173, entre Israelândia e Jaupaci; 2,5 quilômetros da GO-414, entre a GO-020 e  Roselândia; sendo também restaurada a duplicação da GO-206, em Itumbiara.

Em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Regional, serão executadas obras de restauração em 70 quilômetros da GO-142, entre Formoso e a divisa com o Tocantins; 17 quilômetros da GO-174, na região de Montes Claros; e 90 quilômetros da GO-184, entre Itumirim, Aporé e trevo para Cassilândia.

Sinalização

Todos os 1.600 quilômetros contemplados pelo plano de obras da Goinfra, para o biênio 2021-2022, devem receber a nova sinalização com a utilização de faixas mais largas, com 15 centímetros, que vai garantir melhor visibilidade aos motoristas nas rodovias estaduais. As estradas também receberão modernas placas de trânsito e tachas demarcadoras de pistas feitas com materiais ultrarrefletivos. 

O Eixo Sinalização do Programa Goiás Em Movimento tem o objetivo de modernizar a sinalização de toda a malha rodoviária estadual para proporcionar mais segurança aos usuários.

Comentários