Cotidiano

Segundo Caiado, Goiás deve receber mais 30 mil doses na CoronaVac na quarta-feira

O prazo entre a primeira e a segunda aplicação deve ser entre 14 e 28 dias

diario da manha

Após receber a primeira remessa de doses da AstraZeneca, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), anunciou que espera mais 30 mil da CoronaVac. Esta será a segunda remessa da vacina produzida em parceria com o Instituto Butantan a chegar ao estado – a primeira com 183 mil doses chegou para imunizar cerca de 90 mil pessoas.

Dez das maiores cidades goianas já imunizaram juntas, mais de 18 mil pessoas com as doses da CoronaVac.

O governador sinalizou que pretendia expandir a imunização, assim que possível, aos idosos acima de 80 anos. Porém, segundo a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), o Ministério da Saúde (MS) ainda deve definir qual grupo prioritário receberá essas doses.

“Esperamos na quarta-feira (27) agora receber 30 mil doses da CoronaVac”, disse o governador.

O prazo entre a primeira e a segunda aplicação deve ser entre 14 e 28 dias.

No caso da primeira remessa AstraZeneca, o governo deve usar todas as 65,5 mil doses de uma vez, porque o período para aplicação do reforço dela é em 12 semanas, o que dá tempo hábil para chegada de novas remessas, segundo Caiado.

Comentários