Cotidiano

R$ 37 milhões em emendas para combate à Covid-19 foram ignorados pelo Governo Federal

Dinheiro para combate ao Coronavirus não foi utilizado pelo ministério da saúde.

diario da manha

Em 2020 o Governo Federal não utilizou mais de R$ 37 milhões em emendas parlamentares, remanejadas para combater o covid-19. De acordo com o G1, o dinheiro acabou sendo bloqueado, uma vez que o Ministério da Saúde o ignorou. Agora, o dinheiro não pode ser mais utilizado.

Segundo os deputados, o dinheiro poderia ter sido usado para as compras de equipamentos hospitalares, mas que devido a desorganização do governo federal, a ajuda não chegou a estados e municípios. Os R$ 37 milhões seriam mais que suficientes para custear cerca de 23.144 diarias de UTIs, especializadas no Covid-19.

Caso o dinheiro tivesse sido utilizado, sobraria também em 2021 recursos para comprar oxigenio e lotes da vacina.

A medida foi colocada a jogo em junho do ano passado. O Governo alegou na época que a doença estava agindo de forma rápida e que o combate deveria ser na mesma proporção.

Em seguida, os deputados repassaram as verbas de obras, como quadras esportivas e parques, para o combate ao coronavirus.

O G1 tentou entrar em contato com o ministro da saúde, Eduardo Pazuello, em prol de averiguar o motivo do dinheiro não ter sido utilizado. A mesma não obteve respostas.

Comentários